Destaque

Direção nacional do PSB convida Natasha Slhessarenko para se filiar e concorrer ao Senado

Publicado

na

Da Redação 

A direção nacional do PSB convidou a médica cuiabana Natasha Slhessarenko para se filiar ao partido e concorrer à vaga no Senado nas eleições de outubro de 2022. O convite foi feito durante reunião da legenda em Brasília.

A reunião com a direção nacional do Partido Socialista Brasileiro foi intermediada pelo deputado estadual mato-grossense Max Russi, que esteve até esta quarta-feira (08.12) em Brasília participando do encontro nacional do PSB que teve a presença dos dirigentes estaduais do partido em todo o país.

Ainda sem partido, Natasha Slhessarenko estuda os convites de filiação que tem recebido e considerou o convite do PSB uma grande honra. “Fiquei muito feliz com o convite e a possibilidade de me encontrar com os dirigentes do PSB. Estamos ainda analisando as propostas. Me senti muito honrada”, afirmou Natasha.

“A Natasha é um nome importante. O PSB de Mato Grosso quer muito que ela entre para nossas fileiras e concorra ao Senado”, afirmou Max Russi. “A direção nacional do PSB considera o nome de Natasha com grande perspectiva eleitoral, um quadro que vai engrandecer nosso partido com sua candidatura ao Senado”, acrescentou Márcio França, ex-governador paulista e pré-candidato ao governo em 2022.

Leia Também:  Dentes brancos - autoestima elevada!

Natasha está na capital federal participando de eventos do Conselho Federal de Medicina (CFM), do qual ela é conselheira. Na noite desta quarta-feira, ela prestigiou o lançamento do mais novo livro do poeta e escritor cuiabano Nicolas Berh. Na tarde desta quinta-feira ela segue para SãoPaulo, onde participa da formatura da sua filha Maria Eduarda em Medicina na 1a turma da Faculdade Israelita de Ciências da Saúde Albert Einstein.

Destaque

Serviço de limpeza pública é realizado diariamente na região central por mais de 100 trabalhadores

Publicado

na

Pensando na preservação de um ambiente onde o fluxo de pessoas é extremamente elevado e contínuo, a Prefeitura de Cuiabá desenvolve uma programação de limpeza específica para a região central da Capital. O trabalho é coordenado pela Empresa Cuiabana de Zeladoria e Serviços Urbanos (Limpurb) e realizado diariamente.

Conforme a Limpurb, para atender da forma mais eficiente possível a demanda diária da região, o plano de atuação conta cerca de 100 operadores de limpeza que são distribuídos pelas vias, praças e outros equipamentos públicos. As ações ocorrem de segunda-feira a sábado, iniciando logo às 6h e seguindo até às 20h.

Durante o período de trabalho, as equipes são responsáveis por executar serviços como varrição, roçagem, poda de árvores, pintura de meio-fio. Somando a isso, periodicamente e contando com o auxílio de caminhões pipa, as praças são lavadas e higienizadas. Todos os resíduos recolhidos por meio dessas atividades são encaminhados para o aterro sanitário.

“O Centro Histórico é o coração de Cuiabá e merece esse olhar cuidadoso. É isso que o prefeito Emanuel Pinheiro tem buscado fazer desde o seu primeiro mandato à frente de Prefeitura com melhorias nas vias, reforma de praças. Na limpeza não é diferente. Atuamos em toda a cidade, sem nos esquecer dessa região que é por onde todo cuiabano passa”, explica o diretor-presidente da Limpurb, Vanderlúcio Rodrigues.

Leia Também:  Pivetta anuncia para Mendes desistência de pleitear vaga no Senado

Além de ajudar a deixar a cidade ainda mais bonita, as ações de limpeza também ajudam a evitar que uma grande quantidade de lixo tenha como direção as bocas de lobo da região e cheguem até o Rio Cuiabá. Nesse sentido, a Limpurb destaca ainda a importância da participação da população no processo de cuidado da Capital.

“Todo lixo jogado no chão tem um destino. Nossos valorosos servidores trabalham para fazer com esse destino seja o correto e não as bocas de lobo, que muitas vezes acabam entupidas com esses materiais. Mas, é fundamental que o cidadão entenda que ele também deve ajudar o poder público a cuidar da cidade”, finaliza Vanderlúcio.

Continue lendo

PUBLICIDADE

POLÍTICA

ECONOMIA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA