Coluna Bastidores da República

ARTICULAÇÃO: Lideranças do PL apostam na filiação de Bolsonaro nas próximas horas

Publicado

na

A noticia de que o presidente Bolsonaro pode ingressar no Partido Liberal(PL) movimentou a classe política aqui em Brasília. Desde novembro de 2019, quando saiu do PSL, há dois anos, portanto, Bolsonaro está sem partido. De acordo com fontes da coluna, ele já bateu o martelo já bateu o martelo e anuncia o seu ingresso no PL, , entre hoje e amanhã. Bolsonaro não só já comunicou sua decisão   como também já informou os caciques do PP do seu destino partidário. Desde o início de 2021, Bolsonaro vinha negociando com diversas legendas. Nas últimas semanas, apenas PP, PL e Republicanos disputavam o seu passe. O presidente Jair Bolsonaro sinalizou a aliados nesta segunda-feira (8) que deverá se filiar ao PL e concorrer à reeleição pelo partido. Pelas contas do presidente, o PP já está garantido na coalizão da reeleição e que a filiação ao PL poderia amarrar mais um partido ao seu projeto reeleitoral.

PAUTA FORTE

Na terra dos Campos, senador Wellington Fagundes larga na frente e alcança 35,3%; Medeiros é o segundo colocado - O Documento

Uma das grandes lideranças do PL, o  senador Wellington Fagundes (MT)  disse em entrevista  a O Antagonista que “está bem encaminhado” o processo de filiação, mas ponderou que só se pode garantir quando a ficha estiver assinada pelo presidente da República.“Eu falo o seguinte: o prego está batido, mas a ponta não está virada. A ponta vai virar com a assinatura do presidente. ”Fagundes confirmou, porém, que, internamente, a filiação já é dada como certa.“Eu tenho a informação de que o Bolsonaro e o Valdemar conversaram muito. Há uma certa lenda de que, quanto mais demora a decisão, fica mais difícil para os aliados: todo mundo quer uma decisão logo”, acrescentou.

Pedindo anonimato, uma outra liderança do PL afirmou ao mesmo site que “Eu só acredito [na filiação de Bolsonaro] depois que ele assinar”.Desde que, no primeiro ano do governo, Bolsonaro saiu do PSL, sigla pela qual foi eleito em 2018, o presidente busca um partido para concorrer à reeleição. A tentativa de criar a Aliança pelo Brasil, não custa lembrar, fracassou.No último dia 25, como noticiamos, Valdemar divulgou um vídeo no qual reforçava o convite para que Bolsonaro se filie ao partido.Por enquanto, não há nada na agenda oficial das lideranças do PL sobre possível filiação de Bolsonaro para esta terça (9). Em se tratando de Bolsonaro, notícia oficial mesmo só será quando, de fato, alguma ficha de filiação estiver assinada (e olhe lá).

DEU NA MÍDIA

Jornal fala de processo contra Lira, mas deputado já foi absolvido | Poder360

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), se reuniu com o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux,  segunda-feira (8). O encontro será na Suprema Corte, e os dois devem discutir a decisão da ministra Rosa Weber, que suspendeu o pagamento das emendas do relator, conhecidas como “orçamento secreto”. As duas autoridades devem tratar do julgamento em plenário virtual (quando os ministros incluem seus votos no sistema, sem sessão presencial) que vai confirmar ou não a decisão liminar da ministra. O caso ficará no plenário da meia-noite de terça-feira (9) às 23h59 de quarta. A decisão da ministra se deu no âmbito de ações protocoladas pelos partidos Psol, Cidadania e PSB. A oposição na Câmara dos Deputados afirma que o governo liberou emendas do relator para conseguir votos suficientes a fim de garantir a aprovação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) dos Precatórios em primeiro turno. A votação em segundo turno está marcada para a sessão de terça-feira (9).

Leia Também:  NO PONTO DE ÔNIBUS: Idoso deficiente inicia profissão de engraxate nos coletivos de Cuiabá

SUSPEITAS DE IRREGULARIDADES

Nos bastidores, deputados governistas e ligados a Arthur Lira apontam que a liminar concedida pela ministra Rosa Weber, que suspendeu a execução das emendas do relator e exigiu transparência na divulgação dos responsáveis pela indicação dos recursos, seria uma interferência indevida do Judiciário em outros Poderes. Também no STF está em discussão um pedido da oposição para invalidar a votação da PEC dos Precatórios. Rosa Weber deu 24 horas para que a Câmara se manifestasse sobre a votação e sobre as suspeitas de irregularidades, como a votação por parte de parlamentares que não não estavam na Casa e não haviam ainda iniciado missão oficial.

PROBLEMA SÉRIO

Dezenove funcionários do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) pediram exoneração nesta segunda-feira (8), a menos de duas semanas da aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A prova será realizada nos dias 21 e 28 de novembroInicialmente, haviam sido divulgados 13 nomes. No entanto, outros seis pediram exoneração em seguida .Procurado pela reportagem, o Inep ainda não havia se manifestado até a última atualização desta reportagem.Em nota, a Associação dos Servidores do Inep (Assinep) lamentou “profundamente” a situação de o instituto ter “chegado a esse ponto”. Afirmou ainda que os demais servidores que continuam no Inep vão seguir trabalhando para que as demandas do órgão sejam cumpridas, mas cobrou uma “atuação urgente” do Ministério da Educação (MEC) e do governo federal para resolver a questão.

ATAQUES CIBERNÉTICOS

Hospitais do interior usam tecnologia para tratamento de Covid-19 - Secretaria da Saúde

Pesquisa realizada pela MZ, empresa de soluções de Relações com Investidores, com dados coletados pelo sistema de busca do site da CVM (Comissão de Valores Imobiliários), revelou que no Brasil, os ataques cibernéticos aumentaram em 220% no primeiro semestre de 2021 quando comparado ao mesmo período do ano passado.A pandemia da COVID-19 trouxe muitas mudanças no cotidiano do mundo todo com o isolamento social, novos hábitos de interação, higiene, trabalho em home office e impulsionou a transformação digital das empresas. Afinal, com o consumidor estando mais em casa, as companhias tiveram que melhorar suas tecnologias para se conectar a eles através de sites, e-commerces, webinars, entre outros. Esse aceleramento trouxe vários benefícios, mas por outro lado, os ataques cibernéticos aumentaram em volume, intensidade e complexidade

Leia Também:  VOCÊ PROVAVELMENTE DESCONGELOU SUA COMIDA DE FORMA ERRADA A VIDA TODA

INFORME FINANCEIRO

O mercado financeiro aumentou a previsão para os valores da inflação em 2021 e 2022, reduziu as expectativas para o crescimento do PIB nos dois anos e prevê, agora, uma taxa de juros para o próximo ano maior do que a imaginada há uma semana. As conclusões estão no Boletim Focus, do Banco Central. O relatório é produzido após consulta com agentes do mercado financeiro.No caso da inflação, os analistas passaram a prever um índice de 9,33% ao fim de 2021. Com isso, o IPCA vai deve ficar ainda mais distante do centro meta do BC para a inflação, que era de 3,75%, e também muito acima do teto estabelecido pela entidade, que era de 5,25%. Há uma semana, a previsão para o IPCA estava em 9,17% e, há um mês, em 8,59%. Já para 2022, o mercado agora estima uma inflação em 4,63%. Na semana passada essa estimativa era de 4,17%

EXPOTACÃO AGRO

Produção agrícola em 2020 bate novo recorde e atinge R$ 470,5 bilhões - InfoMoney

O volume exportado de carne bovina fresca, refrigerada e congelada ficou em 15,7 mil toneladas nos primeiros três dias úteis de novembro/21. Os embarques de carne bovina seguem com o desempenho fraco devido a ausência da demanda chinesa pelo produto brasileiro. Nesta segunda-feira (08), a Secretária Comércio Exterior (Camex) reportou que a média diária exportada de carne bovina ficou em 5,2 mil toneladas na primeira semana, na qual teve um recuo  de 37,21%% frente a média do mesmo período do ano passado, que ficou em 8,3 mil toneladas .De acordo com o Analista de Mercado da Safras & Mercado, Fernando Henrique Iglesias, o volume exportado de carne bovina ficou abaixo do observado nos embarques de carne suína, que ficaram em 18 mil toneladas. “Isso é muito emblemático que o resultado seja inferior se comparado a carne suína, quando sempre a carne bovina registra o maior volume exportado das proteínas”, informou.

Coluna Bastidores da República

Guedes diz que discutirá pobreza na campanha eleitoral

Publicado

na

A ideia parece boa e já começa a ser discutida aqui em Brasília. Argumentando que a União tem R$ 4 trilhões em ativos, uma fortuna incalculável, e um povo pobre e miserável, o ministro da Economia, Paulo Guedes sugeriu nesta quarta-feira (1º) a criação de um ministério para gerir esse patrimônio. Ele propôs que os ativos federais sejam vendidos para gerar recursos contra a pobreza e disse que discutirá esses temas durante a campanha eleitoral. “Eu já falei com o presidente. Estou propondo que, para o novo governo, tem que existir o Ministério do Patrimônio da União”, afirmou.
APOSTA DE GUEDES

Guedes propõe criar 'Ministério do Patrimônio da União', para gerir estatais e outros ativos - Jornal O Globo
Para esclarecer melhor, o ministro acrescentou que o governo hoje conta com a SPU (Secretaria de Patrimônio da União), que integra a estrutura do Ministério da Economia e é responsável por administrar certos ativos, como os imóveis federais. Guedes sugeriu que a venda de ativos gere recursos a um fundo de combate à pobreza, que repassaria o dinheiro aos mais vulneráveis. “Vende alguns ativos aqui e enche o tanque do fundo. É a transformação do Estado brasileiro”, afirmou
POSSIBILIDADE

Tentando se equilibrar no mundo da política, o ex-juiz Sergio Moro e o ex-procurador da República Deltan Dallagnol podem enfrentar outro desafio: a Lei da Ficha Limpa. O primeiro artigo da legislação esclarece que juízes e promotores que renunciarem ao cargo ou se aposentarem “na pendência de processo administrativo disciplinar (PAD)” ficarão inelegíveis por oito anos. Dallagnol tem um PAD pendente e Moro, quando deixou o cargo, tinha em curso um “pedido de providências”, que não significa um PAD, mas gera dúvidas.
ESTRATÉGIA

Texto com críticas a Moro é de cientista político e não representa a opinião do New York Times - 29/11/2021 - Poder - Folha
E por falar em Sergio Moro, integrantes da campanha do ex-juiz Sergio Moro disseram em entrevista, que a estratégia no curto prazo é buscar se distanciar nas pesquisas dos candidatos da chamada terceira via para cada vez mais tentar se consolidar como o anti-Lula nas eleições de 2022.Moro deverá dizer nas conversas que terá com políticos que sua candidatura é pra valer e irá até o fim. Isso porque seus interlocutores já notaram que vem sendo levantado nos bastidores a possibilidade de ele desistir da candidatura presidencial em nome de uma composição com algum dos nomes da terceira via
ASPAS DE MOURÃO
Não demorou muito para o vice-presidente Hamilton Mourão, se manifestar. Ele afirmou nesta quarta-feira que a escolha do presidente Jair Bolsonaro pelo PL, um dos principais partidos do grupo, se deu porque o chefe do Executivo precisa de tempo de televisão e recursos para se reeleger em 2022. “O presidente tinha que escolher um partido. Escolheu um aí”, disse o general na chegada ao Palácio do Planalto. “O presidente está formando uma coalizão com vistas à eleição do ano que vem, uma eleição diferente de 2018. Ele precisa de tempo de TV e recursos”, resumiu o vice.

Leia Também:  Bolsonaro afirma “Toda e qualquer vacina está descartada”

DEPOIMENTO
Durante a demorada sabatina realizada no no Senado, nesta quarta-feira (1) o ex-advogado-geral da União André Mendonça, indicado por Bolsonaro ao Supremo Tribunal Federal (STF), após mais de quatro meses de espera, Mendonça se declarou como “genuinamente evangélico”, mas reafirmou seu compromisso com o Estado Democrático de Direito, além de firmar o compromisso, caso se torne ministro da Corte, de respeitar as instituições democráticas e a independência e harmonia entre os Poderes.

HOMENAGEM

Senado: candidatos à presidência defendem independência institucional
A Comissão de Serviços de Infraestrutura do Senado aprovou, nesta terça-feira, o projeto batizado de ‘Lei Marília Mendonça’, que obriga a sinalização de torres de energia. O PL 4.009/2021, do senador Telmário Mota (Pros-RR), recebeu parecer favorável da relatora, a senadora Kátia Abreu (PP-TO), e se não houver recurso para votação em Plenário, o texto segue para análise da Câmara dos Deputados. De acordo com o projeto, devem ser sinalizadas todas as linhas de transmissão, inclusive aquelas sob concessão ou permissão de distribuição de energia elétrica. As torres devem ser pintadas com cores que possibilitem ao piloto de aeronave identificá-las apropriadamente como sinal de advertência.
MAIS CARGOS
O presidente Jair Bolsonaro (PL) sancionou uma lei que estabelece a criação de novos cargos nos Tribunais Regionais Federais (TRFs). A medida, em vigor deste ontem, foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta quarta-feira. O documento transforma 66 cargos de juiz federal substituto que estavam vagos em 57 cargos de juiz federal titular em 5 Cortes federais. De acordo com o texto veiculado no D.O, a mudança não gera novas despesas para a União.

Leia Também:  EM CAMPANHA: Bolsonaro: Lira será "segundo homem do Executivo" a partir de segunda-feira (1º)

ECONOMIA

Incerteza da economia recua em novembro pelo 2º mês consecutivo - Folha PE

O faturamento real da Indústria de Transformação caiu 2% em outubro, em relação a setembro, de acordo com os Indicadores Industriais, da Confederação Nacional da Indústria (CNI), divulgados hoje (1º). Essa é a terceira queda mensal consecutiva do faturamento real, que acumula retração de 8% neste período. Com isso, o faturamento da indústria recuou ao menor valor desde junho de 2020, quando a economia e o setor produtivo ainda se recuperavam do fechamento das atividades na primeira onda de covid-19. Na comparação com outubro de 2020, o faturamento registra queda de 12,8%

Continue lendo

PUBLICIDADE

POLÍTICA

ECONOMIA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA