Destaque

Prefeitura promove revolução e Cuiabá terá uma das frotas do transporte público mais modernas do país

Publicado

na

A gestão do prefeito Emanuel Pinheiro será a responsável por uma verdadeira revolução na  mobilidade urbana, além de possibilitar a Cuiabá ter uma das frotas do transporte público mais modernas do país. Serão 140 carros, todos zero quilômetros, que serão incorporados a atual frota. Hoje, circulam pela capital 382 coletivos que atendem a um total de 260 mil usuários/dia.  No último dia 24,  o gestor anunciou o recebimento dos novos carros até a primeira quinzena do mês de julho.  As 140 novas unidades foram produzidas nas fábricas da Caio e da Marcopolo, instaladas nas cidades de Botucatu (SP) e de Caxias do Sul (RS).

Pinheiro reconhece que ainda são muitos os gargalos a serem resolvidos pelo Executivo, mas pondera ser necessário relembrar as muitas ações já desenvolvidas e que evidenciam o comprometimento e o respeito da gestão Emanuel Pinheiro. A capital conta com os corredores exclusivos para ônibus, implantados com o objetivo de proporcionar maior celeridade e com isso menos atraso nos horários estipulados para cada linha de ônibus. Desde a implantação, segundo estudos, a medida praticamente acabou com os atrasos nesses pontos situados nas vias contempladas. Atualmente, Cuiabá conta com faixas exclusivas nas principais avenidas da cidade: Getúlio Vargas, Isaac Póvoas, Generoso Ponce, Tenente Coronel Duarte (Prainha) e Historiador Rubens de Mendonça (mais conhecida como CPA).

Leia Também:  Navio cargueiro da Amaggi é batizado com nome de Glory Cuiabá

Premiada com a iniciativa, a Prefeitura de Cuiabá, mantém três estações instaladas nas praças Alencastro, Bispo Dom José e Ipiranga, sendo as duas últimas criadas a partir de containeres. Todas elas são climatizadas e geram energia limpa graças a instalação de placas solares em cada uma. Os espaços também possuem tomadas que possibilitam que o usuário do transporte coletivo carregar celulares, disponibiliza ainda rede Wi-Fi, jardim suspenso, cadeiras para acomodar os usuários e televisão com estimativa de chegada de ônibus.

As linhas expressas do transporte coletivo começaram a ser implantadas em abril de 2017 por determinação do prefeito Emanuel Pinheiro e funcionam nos bairros Parque Cuiabá (609E), Pedra 90 (711E), Osmar Cabral (508E), Santa Terezinha (605E) e Nova Esperança (712E ). Todas saem em direção ao Centro da cidade. Seus trajetos são abreviados pois possuem uma quantidade menor de paradas o que garante rapidez e praticidade, prezando pelo tempo daqueles que necessitam passar pela área central diariamente.

A Prefeitura de Cuiabá também vem realizando a substituição ou instalação de mais de 300 abrigos. O processo foi iniciado em março do ano passado e evidencia o compromisso para melhoria da mobilidade urbana e atendimento.  De acordo com a Diretoria de Engenharia da Semob, foram 350 implantações trocas ou implantações de abrigo novos  e 280 remoções.

Leia Também:  Inflação medida pelo IPC-S sobe de 0,35% para 0,65% em março

“ A gestão se pauta pelo que é mais importante: as pessoas que aqui  vivem. Muito já foi feito para a capital, mas temos a consciência do que ainda temos pela frente. A gestão não vai parara. Nós lançamos uma licitação após mais de vinte anos. Este é um feito inédito e histórico para a Cuiabá. Um dos meus compromissos mais emblemáticos e que tenho alegria enorme em honrar, priorizando a humanização e o respeito às pessoas”, avaliou o prefeito de Cuiabá. Ele relembrou ainda que o certame prevê redução na idade média dos veículos de 5.5 para 4.5 anos.

As linhas de ônibus foram divididas em quatro lotes, arrematados por quatro empresas distintas. São elas: Integração Transporte LTDA; Caribus Transportes e Serviços LTDA; Rápido Cuiabá Transporte Urbano LTDA e Viação Paraense LTDA.

Destaque

Prefeitura implanta placas orientativas para motoristas que transitam nas proximidades dos parques

Publicado

na

A Prefeitura de Cuiabá, por meio da Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob), implantou placas orientativas aos motoristas que transitam nas proximidades dos parques Tia Nair – na Avenida Érico Preza, bairro Jardim Itália e do  Parque das Águas – Avenida Hermina Torquarto da Silva, no Centro Político Administrativo. As orientações são para a redução de velocidade a 30 km/h e o alerta quanto à presença de capivaras e outros animais que podem atravessar as vias.

Há tempos, a Prefeitura vem recebendo reclamações referentes a maus-tratos aos animais, atropelamentos e ainda, muitas capivaras estariam morrendo de fome por causa do crescimento urbano das regiões onde já foi somente mata.

Para preservar a vida dos animais,  o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, pediu para que a Secretaria de Meio Ambiente do Município acione veterinários, biólogos e consulte a Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) para que realizem estudos para saber se existe a possibilidade de remoção das capivaras que estão nos parques públicos para outros lugares mais apropriados.

“É preciso olhar com mais cuidado para a causa animal. As placas orientativas visam alertar os motoristas quanto a velocidade nas vias onde há grande fluxo de animal. O objetivo é evitar acidentes e atropelamentos. Na minha gestão já aprovamos leis e criamos outras, que está em fase de regulamentação, para à preservação do animal”, enfatizou Pinheiro.

Leia Também:  Jovem é preso ao receber encomenda de LSD e ecstasy pelos correios em MT

Dentre as leis sugeridas em prol dos animais está a Lei 436/17,de proteção aos animais, Lei 6423/19, do protetor independente, Lei 6439/ 19, do animal comunitário, Lei 6492/19, monitoramento através de câmeras em pet shop, Lei 6512/20, da circulação de veículo de tração animal em vias de perímetro urbano e Lei 6549/20, que proíbe o animal em corrente curta.

Continue lendo

PUBLICIDADE

POLÍTICA

ECONOMIA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA