Destaque

Hospital São Benedito imuniza 100% de seus colaboradores contra a gripe

Publicado

na

A direção do Hospital Municipal São Benedito, gerenciado pela Empresa Cuiabana de Saúde Pública (ECSP), em parceria com o Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e Medicina do Trabalho (SESMT) e com o posto de saúde do bairro Quilombo, tomou a iniciativa de imunizar todos os seus colaboradores contra a Influenza (H1N1, Influenza A H3N2 e Influenza B) dentro da própria unidade hospitalar. A ação ocorreu nos dias 6 e 7 de maio, garantindo acesso também aos plantonistas.

O hospital também já tinha vacinado 100% de toda equipe que atua no local contra o vírus, logo quando começou a campanha “Vacina Cuiabá – Sua Vida Em Primeiro Lugar”, por ser uma das unidades que atuam exclusivamente no tratamento contra a Covid-19, na Capital.

“Nós buscamos zelar por quem sempre cuida da nossa gente, que são os profissionais da saúde, que estão na linha de frente. Não podemos esquecer que outras doenças também matam e estamos juntos nessa campanha da h1n1 para imunizar os colabores da área de saúde. Ressaltamos que é necessário que os profissionais da saúde sejam imunizados, pois também trabalham em outros hospitais e muitos deles não tem tempo para estarem indo em postinhos, e por isso fizemos essa campanha dentro do hospital São Benedito, trazendo mais comodidade, mais zelo e humanização aos nossos colaboradores”, disse o gerente RT do setor SESMT, do hospital municipal, Jonathan Ferreira Gomes.

“Como é o mês do profissional da saúde, é o mês da Enfermagem, os presenteamos com a imunização no próprio hospital. Hoje não é só a Covid-19 que está ceifando a vida das pessoas, existem outras doenças existentes, como é o caso da h1n1, dengue, entre outras tantas. A nossa gente merece respeito e a gestão Emanuel Pinheiro tem respeitado o cidadão, respeita o momento, e principalmente respeita os colaboradores”, ressaltou ele.

Leia Também:  Compras realizadas até 31 de agosto concorrem a R$ 800 mil em prêmios

O diretor-geral da Empresa Cuiabana de Saúde Pública, Célio Rodrigues, também fez questão de ressaltar a importância da imunização contra a Influenza não só para os colaboradores do Hospital São Benedito, mas para toda população e pediu ainda, que os que compõe s grupos prioritários de vacinação não deixem de se vacinar.

“A vacinação é de extrema importância, principalmente para a gente que é da área da saúde, que lida diariamente com pessoas com infecções respiratórias, que tem um contato maior com os pacientes e, consequentemente, contato direto com os vírus. Mas também é fundamental que as pessoas não deixem de ir até os postos de saúde para tomar as doses, que já estão disponíveis. Infelizmente, a Covid-19 tem sido uma forte doença, que tem tirado a vida de muitos entes queridos, mas há ainda a preocupação com as outras enfermidades e estar imunizado é essencial neste momento”, informou o diretor.

O prefeito Emanuel Pinheiro também destacou mais uma vez a importância de todos aderirem à vacina. “As pessoas precisam estar protegidas de todos e qualquer vírus que possa ameaçar a vida humana. Infelizmente estamos ainda com baixa procura pela imunização contra a Influenza, e isso não pode continuar. Já perdemos aí milhares de vidas para esse vírus anos atrás e hoje se temos uma vacina é graças a Ciência e ao trabalho de gestão que faz com que ela chegue até a população. A saúde cuiabana é nossa prioridade e continuará sendo em toda nossa gestão, então peço que todos vocês hajam com a mesma importância e se vacinem, porque a vacina salva vidas”, disse.

Leia Também:  Mais de 22 mil pessoas já foram atendidas no Centro de Triagem Covid-19

Campanha contra a Influenza

Atualmente a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) está vacinando contra a influenza, os idosos, crianças de 6 meses a menores de 6 anos de idade (5 anos, 11 meses e 29 dias), gestantes, puérperas, professores da rede pública e privada, do pré ao nível superior de Cuiabá, e trabalhadores da saúde. A previsão é que a campanha aconteça até o dia 9 de julho.

A procura pela vacina tem sido baixa na Capital, mas a Prefeitura ressalta que as pessoas devem se atentar para a importância da imunização contra a gripe, pois ela também pode gerar hospitalização e até óbito.

Visando a segurança dos pacientes, a Secretaria Municipal de Saúde montou toda uma estrutura de tendas nas unidades de saúde, para triagem dos pacientes e separação entre as pessoas saudáveis e que podem se vacinar daquelas que procuram as unidades com suspeita de covid-19.

As unidades que NÃO terão vacina contra a gripe são: PSF Osmar Cabral / Liberdade, PSF Nova Esperança, PSF Pedra 90 lll e lV e PSF São Gonçalo, na região Sul; PSF Novo Horizonte e CS Ana Poupina, na região Leste; PSF Santa Amália /Jd. Araçá, PSF Santa Isabel I e II e PSF Santa Isabel III, na região Oeste.

 

Destaque

Prefeitura implanta placas orientativas para motoristas que transitam nas proximidades dos parques

Publicado

na

A Prefeitura de Cuiabá, por meio da Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob), implantou placas orientativas aos motoristas que transitam nas proximidades dos parques Tia Nair – na Avenida Érico Preza, bairro Jardim Itália e do  Parque das Águas – Avenida Hermina Torquarto da Silva, no Centro Político Administrativo. As orientações são para a redução de velocidade a 30 km/h e o alerta quanto à presença de capivaras e outros animais que podem atravessar as vias.

Há tempos, a Prefeitura vem recebendo reclamações referentes a maus-tratos aos animais, atropelamentos e ainda, muitas capivaras estariam morrendo de fome por causa do crescimento urbano das regiões onde já foi somente mata.

Para preservar a vida dos animais,  o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, pediu para que a Secretaria de Meio Ambiente do Município acione veterinários, biólogos e consulte a Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) para que realizem estudos para saber se existe a possibilidade de remoção das capivaras que estão nos parques públicos para outros lugares mais apropriados.

“É preciso olhar com mais cuidado para a causa animal. As placas orientativas visam alertar os motoristas quanto a velocidade nas vias onde há grande fluxo de animal. O objetivo é evitar acidentes e atropelamentos. Na minha gestão já aprovamos leis e criamos outras, que está em fase de regulamentação, para à preservação do animal”, enfatizou Pinheiro.

Leia Também:  CUIDADO: PRF dá início a Operação Semana Santa 2018

Dentre as leis sugeridas em prol dos animais está a Lei 436/17,de proteção aos animais, Lei 6423/19, do protetor independente, Lei 6439/ 19, do animal comunitário, Lei 6492/19, monitoramento através de câmeras em pet shop, Lei 6512/20, da circulação de veículo de tração animal em vias de perímetro urbano e Lei 6549/20, que proíbe o animal em corrente curta.

Continue lendo

PUBLICIDADE

POLÍTICA

ECONOMIA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA