Opinião

A mudança continua

Publicado

na

O ano que acabou de se despedir foi surpreendente para a elevação de procedimentos que realçam a beleza ou propõe transformação. E se você se pergunta os motivos, entre eles acredito que a segurança, a praticidade e a evolução nos tratamentos são responsáveis, colocando a harmonização orofacial entre as alternativas mais requisitadas.

Não por menos, no último mês a busca no Google por informações sobre rinomodelação disparou. Segundo os dados as buscas por essa intervenção aumentaram 4800% durante a pandemia.

E sabemos que nem é preciso se submeter a uma rinoplastia para ter um nariz dos sonhos. Hoje, a harmonização já evoluiu, podendo ter resultados temporários, em média 12 meses, ou mais, através de rinomodelação com a aplicação do ácido hialurônico, ou então o emprego da técnica “Nariz Perfeito”, indicada para quem tem nariz largo, ponta caída, dorso alto e outros detalhes que trazem o descontentamento diante ao espelho.

Se o desejo é ter o nariz empinado de forma imediata, sem dores e complicações é o procedimento mais indicado. E nesta tendência pela melhora da face os lábios também merecem atenção, e são campeões também em número de procedimentos, um lábio bem contornado e com volume adequado para cada rosto, sem dúvida traduz a beleza envolvente que homens e mulheres desejam.

Leia Também:  Só uma cidade em MT tem risco alto de contaminação Cuiabá continua na classificação de risco “moderado” para a disseminação do coronavírus

Ou seja, 2021 chega mantendo essas tendências que tanto cresceram no ano passado, revelando a busca pela aceitação da mudança na face como instrumento para fortalecer a autoestima, o prazer de viver e até mesmo das relações pessoais e corporativa.

Diante de um ano de tantos desafios, todos buscam mecanismos de fortalecimento, eles estão na espiritualidade, no ganho de conhecimento, nas relações prazerosas, e claro, na aprovação do que reflete no espelho. E esta mudança está acessível a muitos, e se depende dela pra nos sentirmos mais confiantes e gratos, não se deve deixar para depois, pois a mudança acontece com atitude. Então, vamos exercê-la.

Nayara Cerutti, odontóloga com atuação em harmonização orofacial

Opinião

O Pódio também é para a mulher

Publicado

na

Nos últimos anos, o lugar das mulheres em cargos altos no mercado de trabalho vem aumentando gradativamente a passos largos. A revista Forbes Brasil listou as 20 mulheres de sucesso no Brasil em diversas em diversas áreas, todas dispostas a mudar o conceito de gênero no mercado. Segundo a revista Forbes, a lista aponta mais uma vez que a equidade de gênero na sociedade e no mercado de trabalho é um caminho sem volta. A diversidade nas empresas provou ser um poderoso fator de eficiência, inovação, criatividade, produtividade, harmonia e qualidade em todas as suas dimensões.
O assunto não quer calar, em junho a revista exame ressaltou a varejista de moda Lojas Renner como um dos destaques da 3ª edição do Guia EXAME Diversidade. Segundo a revista, como resultado, 65% dos cargos de liderança, a partir de gerência, são ocupados por mulheres. Já no mapa de sucessão, 76% das pessoas que pleiteiam postos mais altos são do gênero feminino.
O que podemos avaliar desses indicadores; em primeiro lugar é que existe consistência no trabalho de fazer com que as mulheres acreditem que possam evoluir. O melhor nesse contexto é que nós mulheres já ocupamos a gestão sem fronteiras de segmentos. No mercado automotivo de alto padrão, por exemplo, temos um inicio dessa expansão nos altos cargos. Orgulhosamente represento esse setor em Cuiabá. O caminho percorrido para chegar a este pódio foi longo, porem por quase dois anos mantenho essa conquista, e a desempenho com excelência, servindo de referência para toda a região Centro – Oeste e outros Estados, pois se tornou comum mulheres neste segmento atuando apenas como vendedoras, mas como gestoras ainda é raro. Sim sou uma das únicas, uma referência, principalmente no segmento de carros esportivos de luxo.
O motivo desta raridade é que ainda existe algo para ser driblado, o preconceito. É como se uma negociação milionária diante de Lamborghinis, Ferraris e demais super máquinas, só figurava com sucesso o estereótipo “homem de negócios”. Ledo engano e visão ultrapassada, o conservadorismo neste caso, não tem mais espaço e nem sentido. Hoje a relação mudou bastante, a figura feminina está mais familiarizada ao público masculino, apesar de serem ainda os homens a grande maioria nos altos cargos e clientes compradores de carros esportivos.
Hoje, celebro a celeridade com que a visão de mundo vem se modificando, claro, que os resultados nos ajudam neste processo, pois não se trata apenas de gênero, porem de competência. E, mesmo sabendo que a eficiência, inteligência, sagacidade e determinação fazem parte do DNA das mulheres que lutam por um espaço no “Pódio” ainda temos que lembrar o mundo a respeito, e até mesmo a nós, quando nos deparamos com olhares duvidosos. Mas, avante mulheres, não pisem no freio do seu sucesso.

Leia Também:  Gallo e Assembleia – Querer jamais será poder

Rosi Cidram, especialista em carros de luxo

Continue lendo

PUBLICIDADE

POLÍTICA

ECONOMIA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA