Destaque

Após reunião com governador, Banco da Amazônia vai trazer créditos de R$ 520 milhões para MT

Publicado

na

Após reunião com o governador Mauro Mendes, o Banco da Amazônia (BASA) confirmou que irá aplicar em 2021 recursos de fomento e da carteira de serviços da instituição na ordem de R$ 520,3 milhões em Mato Grosso.

O Protocolo de Intenções foi assinado na tarde desta quinta-feira (18.03) pelo governador e pelo presidente do BASA, Valdecir Tose, via videoconferência.

Também estiveram presentes os secretários de Estado Mauro Carvalho (Casa Civil), Rogério Gallo (Fazenda) e César Miranda (Desenvolvimento Econômico); o superintendente do BASA em Mato Grosso, Donizete Campos; e a superintendente da SUDAM, Louise Caroline.

De acordo com o governador Mauro Mendes, estes recursos serão importantes para o fomento ao empreendedorismo e para a geração de empregos em Mato Grosso. O gestor destacou que o Estado já é um dos maiores impulsionadores de emprego no país: em 2020, de cada seis postos de trabalho criados no Brasil, um foi em Mato Grosso.

“Esse crédito será importante para diversos setores e o Governo vai se esforçar muito para que no pós-pandemia possamos promover o crescimento da economia dos setores, das micro, pequenas e grandes empresas. Esse crédito chegará em excelente hora porque vai ajudar a muitos em Mato Grosso e principalmente na geração de empregos”, afirmou.

Leia Também:  Dois são detidos com tabletes de droga em táxi

O governador relatou que o esforço da gestão em conseguir equilibrar as contas públicas, pagar em dia servidores e fornecedores, desburocratizar e investir de forma massiva em obras e ações estruturantes foram alguns dos fatores que levaram o banco a ter confiança em aplicar recursos desse montante.

“O papel dos bancos de fomento é fundamental para alavancar grandes projetos de infraestrutura em todas as áreas. O Governo de Mato Grosso conseguiu colocar as contas em ordem, temos grandes investimentos em curso que são frutos de um equilíbrio fiscal que nós construímos. Isso abre muitas oportunidades para investimentos privados e muitos deles vão precisar das operações de crédito que o BASA poderá apoiar”, salientou.

O presidente do Banco da Amazônia, Valdecir Tose, ressaltou que serão trazidos novos fundos para auxiliar os empreendedores mato-grossenses, especialmente os pequenos.

“Em 2020, o banco aplicou em fomento R$ 314 milhões em Mato Grosso. Agora estamos trazendo novos fundos, como o Fungetur, do setor de Turismo, que será um grande demandador de recursos. Também o novo Pronampe, o Fundo da Marinha Mercante e o FDA, através da Sudam, que tem recursos para Mato Grosso, que podemos operacionalizar principalmente com projetos de infraestrutura”, citou.

Leia Também:  Governador anuncia aos servidores a correção monetária sobre salários escalonados

Para o secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, César Miranda, esse recurso será importante para ajudar a minimizar os impactos da pandemia ao empresariado.

“O BASA sempre foi parceiro dos mato-grossenses. Acreditando nesse governo que está equilibrando e reativando a economia de Mato Grosso, o banco vem aportar esse recurso em linhas de financiamento, propiciando juros mais baratos e crédito mais barato para os empreendedores que queiram vir ou já estejam em Mato Grosso”, comentou.

Os pequenos produtores da Agricultura Familiar serão um dos principais beneficiados, segundo o secretário de Estado de Fazenda, Rogério Gallo.

“É um recurso fundamental para a Agricultura Familiar, que tem mais de 400 mil pessoas nessa área. O recurso será concedido com o apoio da Sedec e da Seaf, auxiliando as pessoas que precisam desses recursos, dos empresários que mais precisam, para que esses valores gerem, de fato, emprego e renda. Gera também mais impostos que voltam em serviços públicos melhores para a sociedade”, completou.

Destaque

Prefeitura mantém canal 0800 e via e-mail para tirar dúvidas sobre a Covid-19

Publicado

na

A Prefeitura de Cuiabá informa que ainda mantém os canais de comunicação via telefone e e-mail para quem quiser sanar quaisquer dúvidas que a população cuiabana possa ter a respeito da campanha de imunização “Vacina Cuiabá – sua vida em primeiro lugar”, contra à Covid-19.

O número para atendimento via telefone é o 0800 645 01 56. Já pelo e pelo e-mail, está disponível o ouvidoria.cuiaba@cuiaba.mt.gov.br

Além disso, a Secretaria Municipal de Saúde ressalta que há postos de atendimento no Centro de Eventos do Pantanal, Sesi Papa e UFMT, geridos pela Ouvidoria Geral do Município (OGM), onde também ocorre a vacinação. Nos locais, o munícipe tem total acesso ao exercício da cidadania, podendo formalizar sugestões, reclamações, elogios ou denúncias sobre o serviço ofertado.

O atendimento nas estruturas itinerante funciona durante os sete dias da semana, no período das 8h às 18h. Para garantir que o local conte sempre alguém disponível para o recebimento da demanda, a Ouvidoria Geral montou uma escala de trabalho com sete servidores. Além disso, seguindo a determinação da Lei de Acesso à Informação (LAI), Lei nº 12.527, é garantido total anonimato ao cidadão.

Leia Também:  Falta de ração gera canibalismo em granjas de Mato Grosso

Somado a esse posto de atendimento, a OGM continua também recebendo as manifestações dessa e de outras áreas pelo 0800 645 01 56 e e-mail: ouvidoria.cuiaba@cuiaba.mt.gov.br, e em sua sede, localizada Av. Mato Grosso, nº 453.

Continue lendo

PUBLICIDADE

POLÍTICA

ECONOMIA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA