Destaque

Adolescentes envolvidos em latrocínio no interior são apreendidos

Publicado

na

Entre quarta-feira e quinta-feira desta semana, a Polícia Civil de Comodoro cumpriu os mandados de busca e apreensão de dois adolescentes envolvidos em um latrocínio ocorrido no final de dezembro, na cidade de Nova Lacerda (546 km a oeste de Cuiabá).

Com apoio da Polícia Militar de Nova Lacerda e de Conquista d’Oeste, após várias diligências um dos adolescentes, uma garota foi apreendida na residência da mãe, em Conquista d’ Oeste, também na região oeste do estado.

Com base na investigação conduzida pela Delegacia da Polícia Civil de Comodoro, a Promotoria de Justiça representou pela apreensão dos dois adolescentes identificados com envolvimento no latrocínio ocorrido dia 30 de dezembro. O pedido do Ministério Público, embasado em fundamentação robusta, foi acatado pelo Judiciário que expediu o mandado.

A equipe de investigação de Comodoro realizou diligências nas cidades para localização dos adolescentes.

A garota aprendida, atualmente com 16 anos, encontra-se à disposição da Justiça.

As diligências continuaram durante esta quinta-feira e o outro adolescente, de 17 anos, foi localizado em Nova Lacerda.

Leia Também:  Donos de pequenos negócios pedem redução das taxas de juros, impostos e tarifas

Outras sete pessoas, sendo quatro adultos e três adolescentes, foram presas e apreendidas em flagrante por envolvimento no crime.

Crime

No dia 30 de dezembro, um grupo invadiu uma residência e rendeu diversas pessoas. Uma delas foi amarrada e serviu de escudo para que os suspeitos entrassem em uma das residências que fica no mesmo lote.

Uma das vítimas reagiu ao roubo e no momento em que fez o disparo contra os criminosos, um dos suspeitos atirou em outra vítima que encontrava-se amarrada. Em seguida, os criminosos fugiram do local levando aparelhos celulares, carteiras, munições e dinheiro.

A vítima, Ezequias de Lima Rocha, 50 anos, foi encaminhada para uma unidade de saúde, mas não resistiu ao ferimento e foi a óbito.

Investigação

Durante as diligências realizadas na data do crime foram conduzidos quatro adultos e quatro menores de idade à Delegacia da Polícia Civil, além da apreensão de armas de fogo, sendo que sete deles foram autuados em flagrante pelo crime.

Diante da materialidade e a gravidade do crime cometido, as prisões em flagrante dos adultos foram convertidas em preventiva. Três dos adolescentes que estavam envolvidos diretamente no latrocínio tiveram a internação deferida pela Justiça.

Leia Também:  MT lança programa de concessão de rodovias com investimento de R$ 1,5 bi

Nas investigações conduzidas pelo delegado Ricardo Marques Sarto, outros dois menores de idade foram citados como suspeitos de fazerem parte da quadrilha que cometeu o latrocínio. Foi requerida apreensão e deferida pelo Poder Judiciário.

Destaque

Prefeitura mantém canal 0800 e via e-mail para tirar dúvidas sobre a Covid-19

Publicado

na

A Prefeitura de Cuiabá informa que ainda mantém os canais de comunicação via telefone e e-mail para quem quiser sanar quaisquer dúvidas que a população cuiabana possa ter a respeito da campanha de imunização “Vacina Cuiabá – sua vida em primeiro lugar”, contra à Covid-19.

O número para atendimento via telefone é o 0800 645 01 56. Já pelo e pelo e-mail, está disponível o ouvidoria.cuiaba@cuiaba.mt.gov.br

Além disso, a Secretaria Municipal de Saúde ressalta que há postos de atendimento no Centro de Eventos do Pantanal, Sesi Papa e UFMT, geridos pela Ouvidoria Geral do Município (OGM), onde também ocorre a vacinação. Nos locais, o munícipe tem total acesso ao exercício da cidadania, podendo formalizar sugestões, reclamações, elogios ou denúncias sobre o serviço ofertado.

O atendimento nas estruturas itinerante funciona durante os sete dias da semana, no período das 8h às 18h. Para garantir que o local conte sempre alguém disponível para o recebimento da demanda, a Ouvidoria Geral montou uma escala de trabalho com sete servidores. Além disso, seguindo a determinação da Lei de Acesso à Informação (LAI), Lei nº 12.527, é garantido total anonimato ao cidadão.

Leia Também:  Orçamento da Capital teve aumento de 45,60% na receita bruta

Somado a esse posto de atendimento, a OGM continua também recebendo as manifestações dessa e de outras áreas pelo 0800 645 01 56 e e-mail: ouvidoria.cuiaba@cuiaba.mt.gov.br, e em sua sede, localizada Av. Mato Grosso, nº 453.

Continue lendo

PUBLICIDADE

POLÍTICA

ECONOMIA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA