Cotidiano

Seciteci abre inscrições para processo seletivo de monitores bolsistas

Publicado

na

A partir desta terça-feira (1°) a Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Seciteci) abre inscrições para o processo seletivo de monitores bolsistas para o Circuito Itinerante da Ciência de Mato Grosso – MT Ciências. As inscrições poderão ser realizadas até 21 de dezembro. O Edital do processo seletivo está disponível no site da Seciteci AQUI.

O processo seletivo será realizado com o apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Mato Grosso (Fapemat). Para acessar o formulário de inscrição, clique AQUI.

Serão ofertadas duas modalidades de bolsas: BPCTI – 1 no valor de R$3 mil para o cargo de coordenador (para profissionais com mestrado ou doutorado em qualquer área) e a BPCTI – 3, no valor de R$2 mil, para monitores que tenham curso superior completo em Engenharia da Computação, Ciência da Computação ou Química.

De acordo com a superintendente de Desenvolvimento Científico Tecnológico e de Inovação da Seciteci, Lectícia Figueiredo, o objetivo é recrutar profissionais qualificados para atuar na Carreta MT Ciências.

“Pretendemos selecionar quatro profissionais capacitados para realização de ações de difusão do MT Ciências, mediante concessão de bolsas para desenvolver atividades nos municípios mato-grossenses. É uma vaga para coordenador e três para monitores que vão atuar junto ao público, com carga horária de 40 horas semanais”, disse.

Segundo a coordenadora de Popularização da Ciência da Seciteci, Marilene Passos, os profissionais precisam ter um perfil criativo, comunicativo e sociável, além de disponibilidade para realizar viagens por Mato Grosso.

“A nossa preferência é por pessoas com qualificação profissional, dentro das áreas exigidas, ainda que não tenham grandes experiências com atendimento ao público. Esperamos conseguir bons profissionais, que se identifiquem com a proposta, para atuarem na popularização da ciência em Mato Grosso”, diz.

No dia 15 de janeiro serão divulgados os classificados escolhidos por meio de análise curricular. De 18 a 22 de janeiro de 2021 serão realizadas as entrevistas e dia 29 de janeiro será divulgado o resultado final com os profissionais escolhidos.

Fonte: GOV MT

Leia Também:  Ação integrada em Cuiabá comemora o Dia Internacional do Pedestre

Cotidiano

Governo assina convênios para pacote de obras em escolas, aquisição de micro-ônibus e equipamentos

Publicado

na

O Governo de Mato Grosso, por meio da secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT), firmará, na próxima terça-feira (19.01), mais de 50 convênios com 26 municípios, para a construção de novas escolas estaduais e de quadras poliesportivas, ampliação de unidades, além da aquisição de micro-ônibus, mobiliários e equipamentos.

Os convênios ultrapassam os R$ 40 milhões e fazem parte do pacote de investimentos do programa Mais MT. O evento será realizado no Palácio Paiaguás, às 9h.

Dentro do pacote está a construção de três novas escolas em Peixoto de Azevedo, Primavera do Leste e Querência.

Em Peixoto de Azevedo o convênio firmado direto com a prefeitura prevê um investimento do governo de R$ 3.995.000,00 e R$ 5.000,00 de contrapartida do município.

O projeto é de construção da Escola Estadual Luciene Cardos de Oliveira, com 10 salas de aula e uma quadra poliesportiva. O terreno fica no Loteamento Nova Esperança, nas ruas Manaus e Parnaíva.

Em Primavera do Leste, a nova unidade terá 16 salas de aula e quadra poliesportiva. Será construída no bairro Jardim Luciana. A prefeitura destaca que o bairro tem apresentado um grande crescimento populacional e precisa de infraestrutura para atender os moradores de toda a redondeza.

Leia Também:  MTI retifica edital do processo seletivo e altera data das provas

O investimento do governo do Estado será de R$ 7.495.000,00 e a contrapartida da prefeitura de R$ 5.000,00.

Em Querência, será construído o novo prédio da Escola Estadual Indígena Central Kisedje, com oito salas de aula. A escola atende alunos dos Anos Iniciais e Finais do Ensino Fundamental e do Ensino Médio. Neste prédio, o investimento do Estado será de R$ 1.995.000,00 com contrapartida de R$ 5.000,00 do município.

Ampliações e quadras

Os convênios também são para ampliações em oito escolas estaduais, localizadas em Campo Novo do Parecis, Nova Canaã do Norte, Sapezal e Sorriso. Cada unidade terá mais oito salas de aula, uma média de 240 novas vagas. As obras estão previstas para iniciar ainda no primeiro semestre.

Vinte e duas escolas vão ganhar uma nova quadra poliesportiva, possibilitando aos estudantes um espaço adequado para a prática de esportes. As quadras serão construídas em escolas de Campo Novo do Parecis, Figueirópolis D’Oeste, Juscimeira, Nortelândia, Nova Lacerda, Peixoto de Azevedo, Porto Alegre do Norte, Primavera do Leste, Querência, Santa Rita do Trivelato e Sorriso.

Leia Também:  LIMINAR PERMITE QUE SINDICATO DE TRABALHADORES EM AUTOESCOLAS DE RIBEIRÃO PRETO RECEBA CONTRIBUIÇÕES SINDICAIS

Em Campo Novo do Parecis, a obra de ampliação será na Escola Estadual Jardim do Ipês, no bairro com o mesmo nome. Além de um novo bloco escolar com oito salas de aula, serão construídos novos banheiros na unidade e uma quadra poliesportiva. O convênio assinado com a prefeitura totaliza R$ 1.500.000,00, sendo R$ 1.495.000,00 de investimentos do governo e R$ 5.000,00 de contrapartida do município.

Também em Campo Novo do Parecis, a Escola Estadual Marechal Cândido Rondon vai ganhar uma nova quadra poliesportiva (R$ 695.000,00 de investimentos do Estado e R$ 5.000,00 de contrapartida do município).

Em Itanhangá, a Escola Joaquim Barbosa vai ganhar mais oito salas de aula e também uma quadra poliesportiva. O projeto também prevê a instalação de posto de transformação para que a unidade possa receber climatização.

Continue lendo

PUBLICIDADE

POLÍTICA

ECONOMIA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA