Variedades

Bolinho de cuscuz em 25 minutos

Publicado

na

Confira esta receita de bolinho de cuscuz, que leva sobras de cuscuz e fica pronta em apenas 25 minutos. Aprenda ainda a preparar um cuscuz de frango delicioso, outra opção saborosa para quem ama esse prato tradicional!

Tempo: 25 min
Rendimento: 15 porções
Dificuldade: fácil

Ingredientes do Bolinho de cuscuz

  • 200g de queijo muçarela em cubos
  • Óleo para fritar

Cuscuz de frango

  • 4 colheres (sopa) de óleo
  • 1 cebola picada
  • 1 pimentão verde picado
  • 1 vidro de palmito escorrido e picado (300g)
  • 1 lata de milho verde escorrido
  • 1/2 lata de ervilha escorrida
  • 3 xícaras (chá) de frango cozido e desfiado
  • 1 xícara (chá) de azeitona verde picada
  • 1 tomate picado
  • 1/2 xícara (chá) de molho de tomate
  • 1 cubo de caldo de galinha ou de legumes
  • 1 e 1/2 xícara (chá) de água morna
  • 3 xícaras (chá) de farinha de milho
  • Sal a gosto
  • Óleo para untar

Modo de preparo

Para o cuscuz, em uma panela, em fogo médio, aqueça o óleo e frite a cebola e o pimentão até murchar. Adicione o palmito, o milho, a ervilha, o frango, a azeitona, o tomate e refogue por 3 minutos, mexendo. Acrescente o molho de tomate, o caldo de galinha ou de legumes dissolvido na água e cozinhe por mais 3 minutos ou até começar a ferver.

Adicione a farinha de milho, tempere com sal e cozinhe por 5 minutos, mexendo sempre. Despeje esse cuscuz em uma fôrma de buraco no meio de 24cm de diâmetro untada e decorada como desejar, apertando com uma colher.

Cubra e deixe descansar por 30 minutos. Desenforme, corte porções do cuscuz e abra na mão umedecida. Coloque um cubo de muçarela no centro de cada porção do cuscuz e feche, modelando bolinhas. Frite, aos poucos, em óleo quente, até dourarem. Escorra sobre papel-toalha e sirva em seguida.

Dica: Você pode variar o sabor do seu cuscuz e preparar com sardinha em conserva, camarão miúdo refogado, calabresa picadinha ou até uma versão vegetariana só com legumes picadinhos, como cenoura, vagem e palmito, por exemplo.

Além disso, se for servir como um cuscuz tradicional desenformado, decore o fundo da fôrma untada com rodelas de ovos cozidos, azeitonas fatiadas e rodelas de palmito e tomate também. Fica um efeito bem bonito ao desenformar e servir a receita!

COLABORAÇÃO: Ângela Cardoso/Fernando Santos

The post Bolinho de cuscuz: pronto em 25 minutos appeared first on Guia da Cozinha .

 

Leia Também:  Chegada de iPhone 12 encarece ainda mais modelos anteriores

Fonte: iG Receitas

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

Municípios de Mato Grosso recebem recursos em apoio ao aleitamento materno

Publicado

na

Em Mato Grosso, 14 municípios foram selecionados para receber o financiamento destinado ao custeio de ações de promoção, proteção e apoio ao aleitamento materno e à alimentação complementar adequada e saudável para crianças menores de dois anos de idade.

O recurso, que varia entre R$ 15 mil (repasse mínimo) e R$ 108 mil por município, faz parte do programa Estratégia Amamenta e Alimenta Brasil (EAAB) na Atenção Primária, do Ministério da Saúde (MS). Foram mais de R$ 500 mil de repasse do Ministério da Saúde direto aos municípios contemplados, em parcela única.

Os municípios terão de realizar a identificação, o cadastro e o monitoramento das práticas alimentares de crianças menores de dois anos de idade, por meio das ações de vigilância alimentar e nutricional. Esses municípios beneficiados devem comprovar a aplicação dos recursos financeiros recebidos por meio de um Relatório Anual de Gestão (RAG).

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS) e o Ministério da Saúde, o aleitamento materno é a única estratégia mundial que isoladamente reduz em 13% a mortalidade até os cinco anos. Amamentar evita diarreia e infecções respiratórias, reduz o risco de alergias, de diabetes, colesterol alto e hipertensão, melhora a nutrição e reduz a chance de obesidade. Além disso, o ato contribui para o desenvolvimento da cavidade bucal das crianças e promove o vínculo afetivo entre a mãe e o bebê.

Leia Também:  Chegada de iPhone 12 encarece ainda mais modelos anteriores

O servidor público e nutricionista Rodrigo Carvalho, responsável técnico pelas ações de promoção, proteção e apoio ao Aleitamento Materno e Alimentação Complementar Saudável no âmbito da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT), destaca que, além dos inúmeros benefícios da amamentação para a criança, para a mulher e para o planeta, investir em políticas públicas de promoção, apoio e proteção ao aleitamento materno pode acarretar em mais economia aos cofres públicos.

Uma pesquisa publicada em 2019 pela Universidade Oxford (Reino Unido) concluiu que, de forma global, os custos de não investir em políticas públicas de promoção, proteção e apoio ao aleitamento materno podem chegar a US$1 bilhão, diariamente.

Confira a lista dos 14 municípios selecionados para receberem o incentivo financeiro referente à Estratégia Amamenta e Alimenta Brasil (EAAB):

Municípios 2020
Arenápolis 27.000,00
Barra do Bugres 54.000,00
Campo Novo do Parecis 45.000,00
Cuiabá 18.000,00
Denise 18.000,00
Feliz Natal 18.000,00
Nova Marilândia 15.000,00
Nova Mutum 72.000,00
Nova Olímpia 45.000,00
Porto Estrela 18.000,00
Santo Afonso 15.000,00
Sapezal 45.000,00
Sinop 108.000,00
Tangará da Serra 81.000,00
TOTAL 579.000,00
Continue lendo

PUBLICIDADE

POLÍTICA

ECONOMIA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA