Destaque

Primeiro encontro oficial: Lucimar formaliza convite para Kalil

Publicado

na

Futuro prefeito e equipe de transição terão gabinete e estrutura além de agenda em comum com a prefeita Lucimar Sacre de Campos

Atendendo um convite da prefeita de Várzea Grande, Lucimar Sacre de Campos, o prefeito eleito, Kalil Baracat, irá manter um gabinete na sede do Poder Executivo e também agendas em comum, para um maior entrosamento e para que a fluidez de documentos e da situação administrativa e financeira seja acompanhada (pari passu), simultaneamente pela equipe de transição, uma exigência dos órgãos de controle como Tribunal de Contas de Mato Grosso (TCE/MT), Ministério Público, Controladoria Geral entre outros.

“Precisamos evitar ao máximo a solução de continuidade para Várzea Grande e sua gente, além de permitir que o prefeito Kalil Baracat e sua equipe de gestão possam assumir a partir de janeiro com o máximo de ritmo”, disse a prefeita Lucimar Sacre de Campos, acompanhada pelo senador Jayme Campos, ao prefeito eleito, Kalil Baracat, no primeiro encontro oficial de ambos, após as eleições de domingo último quando o emedebista foi eleito com mais de 50 mil votos.

A prefeita de Várzea Grande assinalou que vai deixar muitas obras em andamento e pretende entregar muitas outras até o fim deste ano, pois são compromissos assumidos por mim, mas também vou deixar uma situação financeira confortável, “em que pese, dificuldades serem sempre inerentes à gestão pública, ou seja, aparecem constantemente e exigem criatividade por parte do gestor para fazer frente as adversidades como no caso da pandemia da COVID 19”, lembrou Lucimar Sacre de Campos.

Ela assinalou para o prefeito eleito que é fundamental honrar os compromissos assumidos, mas desde que isto seja possível e contemple outras exigências do Poder Público que tem princípios constitucionais como a: legalidade, moralidade, impessoalidade ou finalidade, publicidade, eficiência, razoabilidade, proporcionalidade, ampla defesa, contraditório, segurança jurídica, motivação e supremacia do interesse público.

Kalil Baracat reafirmou seus compromissos com Várzea Grande e com sua gente, com sua família e com Deus. “Não decepcionarei. Garanto compromisso com a transparência, com a eficiência e com os resultados a serem obtidos nas obrigações do Poder Público. Aonde a gestão da prefeita Lucimar Sacre de Campos foi perfeita, eficiente, iremos manter para não deixar que esses objetivos sejam prejudicados e aonde for necessário melhorar, vamos no empenhar e dedicar em dobro para atender a demanda”, disse Kalil Baracat, assinalando que o arco de alianças políticos que o apoiou vai se dedicar também.

“Temos problemas emergenciais como a água e o VLT que necessitam solução e não haverá descanso enquanto não solucionarmos eles ou minimizarmos os mesmos”, frisou Kalil Baracat assinalando que vai unir esforços com a prefeita Lucimar Sacre de Campos desde agora para já buscar a solução destes problemas. “Temos problemas que vão exigir muito de todos os atores envolvidos como os Governos Federal, de Mato Grosso, de Várzea Grande e de Cuiabá, por isso não podemos perder tempo e colocarmos em prática as medidas necessárias”, disse ele.

O senador Jayme Campos garantiu apoio redobrado para a gestão Kalil Baracat e para Várzea Grande assinalando que a continuidade de boas práticas e políticas será fundamental para consolidar o processo de desenvolvimento da cidade industrial. “Temos potencial para voltar a crescer de forma sustentável e com consistência, sendo que para isto necessitamos de pesados investimentos que fomentem a economia e permitam que Várzea Grande recupere sua posição de destaque e se desenvolva dentro da realidade econômica de Mato Grosso”, explicou Jayme Campos.

“Tenho convicção na gestão de Kalil Baracat, pois ele é comprometido com a cidade e com sua população. Para mim e para a Lucimar, Kalil Baracat fazendo um trabalho promissor, de respeito e de qualidade, é o que todos esperamos, pois acreditamos na cidade e na competência do futuro prefeito e da equipe que ele montar para lhe ajudar neste grande enfrentamento que será feito nestes próximos quatro anos”, sinalizou Jayme Campos

Fonte: Prefeitura de VG

Leia Também:  Discurso de Bolsonaro é perigoso, diz alto comissariado da ONU

Cotidiano

MEC determina retorno a aula presencial em universidades dia 4 de janeiro

Publicado

na

O Ministério da Educação publicou no Diário Oficial da União desta quarta-feira (2) portaria que determina que as aulas nas instituições federais de ensino superior deverão ocorrer, de forma presencial, a partir do dia 4 de janeiro de 2021.

Segundo o texto, as instituições devem ter um protocolo de biossegurança instituído pelo MEC.

Apesar do número de contaminados pelo coronavírus ter voltado a subir no País, a portaria, assinada pelo ministro Milton Ribeiro, determina que “os recursos educacionais digitais, tecnologias de informação e comunicação” deverão ser utilizados em caráter excepcional e de forma complementar.

A portaria autoriza aulas virtuais, no caso de autoridades locais suspenderem atividades letivas presenciais.

Será de responsabilidade das instituições a definição dos componentes curriculares que utilizarão os recursos educacionais digitais e a disponibilização de recursos aos alunos que permitam o acompanhamento das atividades letivas ofertadas.

Para os cursos de medicina, as aulas digitais só serão autorizadas para disciplinas teórico-cognitivas do primeiro ao quarto ano do curso.

Por Lorenna Rodrigues
Estadão Conteúdo – São Paulo
Leia Também:  NO PONTO DE ÔNIBUS: Idoso deficiente inicia profissão de engraxate nos coletivos de Cuiabá
Continue lendo

PUBLICIDADE

POLÍTICA

ECONOMIA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA