Cotidiano

Policiais da DRE prendem casal com 5 quilos de maconha e cocaína

Publicado

na

Marido e mulher foram presos, durante uma investigação de policiais Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE), da Polícia Civil.

Os dois, segundo as investigações, atuavam na venda de drogas em casa, onde mantinham uma “boca” de porte médio, no bairro Jardim Vitória, em Cuiabá.

Além da prisão do casal, os policiais da DRE apreenderam cinco quilos de maconha, R$ 3 mil em dinheiro, além de apetrechos relacionados ao tráfico de drogas.

As investigações já vinham de desenvolvendo há cerca de 30 dias, com o monitoramento do local para observação da entrada e saída de usuários que iam lá comprar as drogas.

Nas investigações, a Polícia confirmou que o homem recebia ajuda do cunhado e da própria esposa para realizar a entrega de drogas em “bocas” de fumo, assim como para o recebimento de dinheiro de outros traficantes.

No último sábado (26), os policiais da DRE receberam denúncia de que o casal de traficantes estaria com uma grande quantia de drogas, que estava sendo vendida no local e em outros bairros da Capital.

Com base nas informações, os policiais realizaram abordagem na residência sendo localizadas no quarto do casal porções de maconha, balança de precisão e dinheiro.

Nos outros quartos da casa revistados, os policiais apreenderam porções de maconha e cocaína, totalizando aproximadamente cinco quilos de entorpecentes, além de cadernos com anotações para o tráfico.

Os acusados foram presos em flagrante, com a materialização das drogas apreendidas, e autuados na sede da DRE em crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

Fonte: Diário de Cuiabá

Leia Também:  Casal é pego com armas de fogo e animais silvestres abatidos

Cotidiano

Homem tem surto, sai correndo nu pela rua e cai morto

Publicado

na

Um usuário de drogas teve um surto psicótico. Saiu correndo nu pela rua e caiu morto, por volta das 5h desta sexta-feira (23).

A suspeita é de overdose, seguida de uma parada cardíaca.

O homem, identificado como Luan Anastácio de Andrade, 25 anos, morreu no bairro Capão do Pequi, em Várzea Grande.

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada e constatou a morte do rapaz, que não apresentava lesões, pelo menos aparentes, mas estava sujo de fezes, que também foram encontradas ao lado do corpo.

Amigos e vizinhos do bairro confirmaram à Polícia Militar que a vítima era usuária de droga.

Policiais da Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) fizeram a liberação do corpo para o Instituto Médico Legal (IML).

Agentes da Perícia Oficial do Estado (Politec) fizeram a perícia preliminar e também não constaram sinais de violência no corpo.

Policiais da DHPP informaram que vão aguardar os laudos do IML e da Politec para oficializar as causas da morte do rapaz.

Fonte: Diário de Cuiabá

Leia Também:  Casal protagoniza cenas picantes em boate de Cuiabá
Continue lendo

PUBLICIDADE

POLÍTICA

ECONOMIA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA