Destaque

Comunidades do Sucuri, Tarumã e Três Pedras recebem doações de cestas básicas

Publicado

na

As famílias em situação de vulnerabilidade social agravadas pelos efeitos da pandemiadas comunidades do SucuriTarumã e Três Pedras, localizadas na zona rural de Cuiabá, receberam 250 cestas básicas da campanha Vem Ser Mais Solidário – MT unido contra o coronavírus, na manhã da sexta-feira (18.09).  A ação do Governo do Estado é liderada de forma voluntária pela primeira-dama, Virginia Mendes, e realizada pela Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc).

O secretário adjunto de Assuntos Comunitários da Setasc, Édio Martins, esteve nos locais executando as entregas. “As comunidades que estamos visitando estão localizadas em regiões afastadas, que precisam da atenção e do cuidado do Estado para conseguirem passar por esse período”, ressaltou.

Campanha Vem Ser Mais Solidário – Entrega de cesta básica na Comunidade Sucuri
Créditos: João Reis/Setasc-MT

A líder comunitária, Angel Auxiliadora da Silva, destacou a importância da parceria para as comunidades. “Agradeço muito por essa parceria. Sabemos que só por meio dela é que nossas famílias estão sendo contempladas hoje”, externou.

Leia Também:  Várzea Grande acolhe moradores de rua e distribui mais de 7.500 cestas básicas

Ilda Gomes de Jesus, 45 anos, uma das beneficiadas com a ação social, é assistida pela Associação de Catadores de Resíduos Reciclável da comunidade do Sucuri.  “Eu trabalho há muitos anos com reciclagem, mas o que recebo aqui é muito pouco e agora, com meu marido doente, a situação apertou. Esta cesta vai ajudar muito”, disse.

Campanha Vem Ser Mais Solidário – Entrega de cesta básica na Comunidade Sucuri.
Créditos: João Reis/Setasc-MT

Conhecido na comunidade de Tarumã como “zinho”, José Carlos, 46 anos, outro contemplado, disse que por ser autônomo as dificuldades aumentaram com a pandemia. “Trabalho para mim mesmo então, tudo é mais difícil. Em casa somos em oito pessoas. A despesa é alta e sem o alimento não dá. Achei a iniciativa ótima”.

Os moradores em situação de risco social do bairro Jardim Paula II, em Várzea Grande, também receberam os donativos. Foram entregues para as famílias 70 sacolões com alimentos e produtos de higiene pessoal e limpeza. “Fui atrás da primeira-dama por essa ajuda e ela me atendeu com essa gratificação maravilhosa”, comentou a presidente do bairro, Lenilda Afonso José.

Leia Também:  Bandido usa bilhete para anunciar assalto em cidade de MT

Campanha Vem Ser Mais Solidário – Entrega de cesta básica no bairro Jardim Paula II – VG
Créditos: João Reis/Setasc-MT

Mais entregas

O Governo do Estado também assistiu com doações as associações de Permissionários do Transporte Escolar de Mato Grosso (Aspetret), de Moradores do bairro 1º de Março, do Residencial Wantuil de Freitas, e do Jardim Europa. Ao todo, foram doadas 476 cestas básicas.

A presidente do bairro Jardim Europa, Rosa Barbosa, agradeceu as doações. “Agradeço por esse trabalho excelente que a primeira-dama, Rosamaria e toda sua equipe vem realizando em prol do social e da nossa comunidade”.

“Estou aqui em nome de todos para agradecer o Estado pela ajuda que está sendo essencial para a nossa categoria que está há seis meses está parada”, completou Jussania Santos, presidente da Aspetret.

Destaque

Sexta-feira (30): Mato Grosso registra 143.325 casos e 3.846 óbitos por Covid-19

Publicado

na

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta sexta-feira (30.10), 143.325 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 3.846 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 278 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 143.325 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 5.269 estão em isolamento domiciliar e 133.721 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 148 internações em UTIs públicas e 135 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 36,72% para UTIs adulto e em 15% para enfermarias adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (29.223), Rondonópolis (10.599), Várzea Grande (10.043), Sinop (7.104), Sorriso (6.332), Lucas do Rio Verde (5.893), Tangará da Serra (5.694), Primavera do Leste (4.939), Cáceres (3.473) e Campo Novo do Parecis (2.887).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

Leia Também:  Governo do Estado doa cestas básicas e cobertores para instituições religiosas

O documento ainda aponta que um total de 115.464 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 482 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

Na última quinta-feira (29), o Governo Federal confirmou o total de 5.494.376 casos da Covid-19 no Brasil e 158.969 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país contabilizava 5.468.270 casos da Covid-19 no Brasil e 158.456 óbitos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados de sexta-feira (30).

Recomendações

Atualmente, não existe vacina para prevenir a infecção pelo novo coronavírus. A melhor maneira de prevenir a infecção é evitar ser exposto ao vírus. Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca do novo coronavírus. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo coronavírus. Entre as medidas estão:

Leia Também:  Trabalhos nos viadutos voltam à normalidade com o fim das férias coletivas

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Continue lendo

PUBLICIDADE

POLÍTICA

ECONOMIA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA