Cotidiano

Em sete meses Polícia Militar recebe 700 denúncias

Publicado

na

De janeiro a julho, a Diretoria da Agência Central de Inteligência da Policia Militar (DACI) registrou 700 ocorrências do Disque Denúncia – 0800.65.3939.

Foram situações diversas, entre elas, as capturas de foragidos da justiça de alta periculosidade, caso dos procurados nos estados de Minas Gerais, São Paulo e Goiás – com auxílio da ferramenta.

Ao todo foram seis foragidos que voltaram as unidades prisionais. No período, saíram de circulação 34 quilos de drogas e 17 pessoas foram presas.

Na prática, a prisão de uma quadrilha ocorrida no dia 15 de março nas cidades de Sinop e Sorriso, foi devido ao 0800. Os cinco homens detidos furtaram uma agência em Marcelândia. Com a informação passada via o Disque Denúncia iniciou um trabalho que envolveu vários policiais.

Na ação, foram montadas barreiras na BR-163, teve perseguição e troca de tiros. No fim, dois veículos, uma Hilux e um Voyage, foram apreendidos, além de várias ferramentas usadas no crime.

Outra situação foi à prisão de quatro mulheres no bairro Santa Izabel, em Cuiabá, por tráfico de droga e estelionato. A denúncia apontava uma casa como ponto de uma quadrilha que aplicava golpe de venda pela internet.  Na ação, foram apreendidos três notebooks, além de vários chips de celular, além de porções de maconha.

Leia Também:  Recomendações diante da baixa umidade do ar são reforçadas pela Prefeitura

Exemplo também da prisão de um homem, na área central de Cuiabá. A informação descrevia que o suspeito estaria traficando a duas semanas em uma das ruas mais movimentadas da região, a Antônio Maria. O criminoso sempre agia da mesma forma. Ele entrava em um edifício pegava algo e retornava.

As características do suspeito e seu modus operandi foram passadas a equipe da Cavalaria que O prendeu com porções de droga e dinheiro.

Denunciante

Foi à situação de uma dona de casa que usou o Disque Denúncia depois de passar meses se sentindo acuada. Ela contou que não aguentava mais as bebedeiras e uso de droga dos vizinhos, mas se sentia acuada em denunciar com medo de represália. Foi quando soube que não precisava se identificar e registrou sua reclamação no 0800. Em pouco tempo, uma viatura foi até o local.  Na ocasião, os policiais encontraram droga e menores alcoolizadas. A senhora disse se sentir aliviada e recomenda o serviço.

O Diretor da DACI, tenente-coronel Fábio de Souza Andrade explica que o serviço é destinado ao recebimento de informações dos cidadãos sobre crimes aos quais tenham conhecimento e possam auxiliar o trabalho da polícia para melhorar a qualidade de vida da população.

Leia Também:  Gigante do varejo se instala em VG e gera dezenas de empregos

“As denúncias feitas são anônimas, ou seja, o denunciante não precisa se identificar. Por meio da informação anônima, a polícia fica sabendo dos acontecimentos criminosos ou perigosos feitos por pessoas de má índole”.

Ele acrescenta que o foco do serviço é o atendimento de denúncias anônimas de crimes permanentes que acontecem por tempo indeterminado como tráfico de drogas, foragidos da justiça, entre outros – que resultem em situação de investigação e, não, de situações emergenciais.

O serviço funciona com uma central de atendimento 24 horas. Cada informação é registrada e encaminhada para uma equipe analisar e encaminha às unidades policiais locais, para que realizem a verificação dos fatos e adotem os procedimentos pertinentes.

Nos casos de urgências e emergências devem ser usados os números 190 da Polícia Militar, 193 do Corpo de Bombeiros, 192 do Samu e 197 da Polícia Civil.

Material apreendido com cinco homens que furtaram agência bancária no interior     Foto: PMMT

 

Fonte: GOV MT

Cotidiano

Governo assina convênios para pacote de obras em escolas, aquisição de micro-ônibus e equipamentos

Publicado

na

O Governo de Mato Grosso, por meio da secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT), firmará, na próxima terça-feira (19.01), mais de 50 convênios com 26 municípios, para a construção de novas escolas estaduais e de quadras poliesportivas, ampliação de unidades, além da aquisição de micro-ônibus, mobiliários e equipamentos.

Os convênios ultrapassam os R$ 40 milhões e fazem parte do pacote de investimentos do programa Mais MT. O evento será realizado no Palácio Paiaguás, às 9h.

Dentro do pacote está a construção de três novas escolas em Peixoto de Azevedo, Primavera do Leste e Querência.

Em Peixoto de Azevedo o convênio firmado direto com a prefeitura prevê um investimento do governo de R$ 3.995.000,00 e R$ 5.000,00 de contrapartida do município.

O projeto é de construção da Escola Estadual Luciene Cardos de Oliveira, com 10 salas de aula e uma quadra poliesportiva. O terreno fica no Loteamento Nova Esperança, nas ruas Manaus e Parnaíva.

Em Primavera do Leste, a nova unidade terá 16 salas de aula e quadra poliesportiva. Será construída no bairro Jardim Luciana. A prefeitura destaca que o bairro tem apresentado um grande crescimento populacional e precisa de infraestrutura para atender os moradores de toda a redondeza.

Leia Também:  “Cuiabá 300 Cores” abre exposição na Casa Cuiabana com siriri e cururu

O investimento do governo do Estado será de R$ 7.495.000,00 e a contrapartida da prefeitura de R$ 5.000,00.

Em Querência, será construído o novo prédio da Escola Estadual Indígena Central Kisedje, com oito salas de aula. A escola atende alunos dos Anos Iniciais e Finais do Ensino Fundamental e do Ensino Médio. Neste prédio, o investimento do Estado será de R$ 1.995.000,00 com contrapartida de R$ 5.000,00 do município.

Ampliações e quadras

Os convênios também são para ampliações em oito escolas estaduais, localizadas em Campo Novo do Parecis, Nova Canaã do Norte, Sapezal e Sorriso. Cada unidade terá mais oito salas de aula, uma média de 240 novas vagas. As obras estão previstas para iniciar ainda no primeiro semestre.

Vinte e duas escolas vão ganhar uma nova quadra poliesportiva, possibilitando aos estudantes um espaço adequado para a prática de esportes. As quadras serão construídas em escolas de Campo Novo do Parecis, Figueirópolis D’Oeste, Juscimeira, Nortelândia, Nova Lacerda, Peixoto de Azevedo, Porto Alegre do Norte, Primavera do Leste, Querência, Santa Rita do Trivelato e Sorriso.

Leia Também:  Gigante do varejo se instala em VG e gera dezenas de empregos

Em Campo Novo do Parecis, a obra de ampliação será na Escola Estadual Jardim do Ipês, no bairro com o mesmo nome. Além de um novo bloco escolar com oito salas de aula, serão construídos novos banheiros na unidade e uma quadra poliesportiva. O convênio assinado com a prefeitura totaliza R$ 1.500.000,00, sendo R$ 1.495.000,00 de investimentos do governo e R$ 5.000,00 de contrapartida do município.

Também em Campo Novo do Parecis, a Escola Estadual Marechal Cândido Rondon vai ganhar uma nova quadra poliesportiva (R$ 695.000,00 de investimentos do Estado e R$ 5.000,00 de contrapartida do município).

Em Itanhangá, a Escola Joaquim Barbosa vai ganhar mais oito salas de aula e também uma quadra poliesportiva. O projeto também prevê a instalação de posto de transformação para que a unidade possa receber climatização.

Continue lendo

PUBLICIDADE

POLÍTICA

ECONOMIA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA