Primeira-dama de Cuiabá se destaca pelo trabalho social que desenvolve na capital de Mato Grosso

Da Redação, com Assessoria

Com muitos motivos para comemorar, a primeira-dama de Cuiabá, Márcia Pinheiro, completa mais um ano de vida nesta terça-feira (9). Dona de um perfil e característica administrativa, ela tem se destacado pelos trabalhos que desenvolve na capital de Mato Grosso, que a credenciam como uma das mais atuantes da história de Cuiabá, colocando em prática sua experiência e graduação em Gestão Pública.

Vale destacar que em meio à toda essa crise mundial de saúde pública, desencadeada pelo novo coronavírus, a primeira-dama tem, incansavelmente, trabalhado para contribuir com a sociedade tendo em vista superar esse momento de pandemia. Tem sido articuladora das entregas de mais de 8 mil cestas de alimentos à população em vulnerabilidade social, que sofre com os impactos econômicos provenientes da crise da covid-19.

Os mais recentes trabalhos tiveram repercussão da mídia nacional, sendo divulgada em jornais de horário nobre nas redes Record e Globo, assim como sites internacionais, como o portal UOL, e em todos os veículos do Grupo Rede de Mídias Brasil;como Agência de Notícias Direto de Brasilia, 3 Poderes Brasil e Estação Brasília. O projeto “Hotel Albergue” foi espelhado em ações semelhantes realizadas em países de primeiro mundo, como Estados Unidos e Reino Unido. O convênio com o hotel Mato Grosso oferta 120 vagas para moradores em situação de rua, garantindo segurança contra a contaminação do novo coronavírus, além de oferecer encaminhamento social para retirar essas pessoas das ruas.

A saúde mental dos profissionais de saúde também tem sido a preocupação da primeira-dama, que idealizou um programa inédito no Brasil, em total conformidade com as recomendações apontadas pela Organização Mundial de Saúde. A plataforma online disponível no site da Prefeitura de Cuiabá levará a mais de 7 mil servidores, que estão na linha de frente no combate contra à COVID-19, sessões de terapia e acolhimento psicoterápico individual.

Dentre outras acoes, Marcia Pinheiro consolidou a maior política pública voltada à mulher já implantada no município ao idealizar o programa Qualifica Cuiabá 300 anos, que tem colocado no mercado de trabalho, formal e informal, mais de 3.5 mil mulheres qualificadas em diversos cursos de quatro áreas diferentes.O projeto lhe rendeu duas premiações nacionais, em 2019, com o reconhecimento na categoria Área Social do prêmio ‘Mentes que Brilham’ (SP) e o prêmio ‘Parceiros do ODS’ (RJ), reconhecido pela Organização das Nações Unidas (ONU), onde figurou entre as 12 personalidades homenageadas.

A história com Cuiabá começa quando se apaixonou por um jovem e promissor vereador da capital, Emanuel Pinheiro. Mal sabiam que o destino os levaria para as posições públicas mais importantes da cidade: prefeito e primeira-dama

Foi em sua trajetória como primeira-dama e pelo seu empenho à causa que Cuiabá conquistou avanços históricos para as mulheres, a exemplo a inédita Rede de Enfrentamento à Violência Doméstica, onde inseriu, após anos sem sucesso, a Prefeitura junto com outras 14 instituições, que unidas promoverão propostas e projetos unificados em prol das mulheres, dentre eles a futura instalação da Delegacia da Mulher 24 horas, que ainda não está em funcionamento em Cuiabá, além de outras ações ligadas ao combate à violência doméstica.

Além disso, foi fundamental para a criação da também inédita Secretaria Municipal da Mulher, da qual foi, até o último instante, a mais cotada para assumir o posto de gestora da pasta, mas decidiu dar lugar a Luciana Zamproni, demonstrando desprendimentos por cargos públicos.

Também madrinha simbólica da pasta de Assistência Social, tem contribuído muito para os avanços sociais de Cuiabá nos últimos anos, idealizadora de grandes campanhas de envolvimento popular, como o “Aquece Cuiabá” e o “Natal Sem Fome”. A primeira é referência no Centro-Oeste quando o assunto é campanha em épocas de frio, sendo modelo para diversas outras campanhas, como de prefeituras do interior e o Governo do Estado, assim como a grande distribuição de alimentos, que geram mais de 300 mil kg doados a famílias em vulnerabilidade social, anualmente.

Entre suas principais prioridades na área social, esteve a repaginação do Programa Siminina, antes visto apenas como um local de recreação para os pais e responsáveis deixarem suas filhas durante a jornada de trabalho. A nova roupagem idealizada pela primeira-dama trouxe outro conceito para o Siminina, estabelecendo inúmeras atividades, antes não realizadas, como aulas de ballet, inglês, informática, plantio de hortifruti, artesanato, fanfarra, judô, danças, além dos inéditos acompanhamentos odontológicos, psicológico e pedagógicos, formando assim o maior conjunto de ações da história dos 25 anos do programa.

Trajetória de Márcia Pinheiro

Nascida no interior do Paraná, em Santa Izabel do Oeste, município destaque no setor agrícola com cerca de 15 mil habitantes, ela estudou na capital Curitiba durante toda a juventude, até trocar o frio paranaense pelo calor do cerrado mato-grossense, junto à sua família.

Aqui se dedicou à administração, se graduando na área e gerenciando as empresas da família, ainda quando morava na vizinha Várzea Grande. A história com Cuiabá começa quando se apaixonou por um jovem e promissor vereador da capital, Emanuel Pinheiro. Mal sabiam que o destino os levaria para as posições públicas mais importantes da cidade: prefeito e primeira-dama.

Casada há mais de 25 anos, Márcia é mãe de dois filhos. O caçula, com 21 anos, Elvis Khun Pinheiro, e o mais velho, com 25 anos, Emanuel Pinheiro da Silva Primo, o Emanuelzinho. Sua ligação com a política vem desde a infância, no Paraná, quando seu pai José Darcy Khun era articulador político na pequena Santa Izabel do Oeste.

Enfim, são quase 30 anos de vida pública, sempre atuando nos bastidores, como dita seu perfil e característica administrativa. Como primeira-dama, tem deixado seu legado como uma das mais atuantes da história da Capital, sempre buscando projetos e ações inovadoras, não só para a área social.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *