Mulher é espancada pelo namorado por não desbloquear celular

Um rapaz de 22 anos foi preso pela Polícia Militar acusado de agredir e torturar a namorada, de 33, neste domingo (1°), no Bairro Pedra 90, em Cuiabá.

De acordo com o boletim de ocorrência, por ciúmes o suspeito queria que a vítima desbloqueasse o aparelho celular dela. E após a negativa da vítima, ele passou a agredi-la.

O homem foi preso em flagrante na Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) do bairro, após levar a namorada, que sentia dores, para receber atendimento médico.

Segundo o B.O., a mulher contou que estava na casa do namorado, em uma região de sítio, e em determinado momento ele quis olhar o seu celular.

No local começaram as agressões com enforcamento e puxões de cabelo. Após ela implorar para que ele a levasse para a residência dela, o agressor concordou.

No entanto, durante o caminho, ele parou em uma região de mata, pegou um pedaço de madeira e passou a agredi-la novamente, afirmando que iria matá-la.

Ele só parou com a sessão de espancamento depois que a namorada desbloqueou o celular.

A vítima relatou ainda que, ao chegar à sua residência, as agressões continuaram e só cessaram após ela dizer que não aguentava mais, estava com muitas dores e precisava de atendimento médico.

O caso foi registrado na Central de Flagrantes da Capital e deve ser investigado pela Polícia Civil.

O suspeito foi autuado pela PM pelos crimes de lesão corporal e tortura.

 

 

Fonte: Midia News

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *