Senado aprova pena para quem agredir atleta, juiz ou técnico fora do estádio

O Plenário aprovou na quarta-feira (30) o Projeto de Lei da Câmara (PLC) 12/2017, que aumenta de três para cinco anos o prazo de afastamento de torcidas organizadas ou seus integrantes que praticarem atos de violência contra atletas, comissão técnica, árbitros e jornalistas fora dos estádios.

A relatora, senadora Leila Barros (PSB-DF), afirmou que a punição reduzirá os casos de agressão a jogadores e invasões de centros de treinamento.

O senador Alvaro Dias (Podemos-PR) comemorou a atualização do Estatuto do Torcedor. As informações são da repórter Hérica Christian, da Rádio Senado.

 

 

Fonte: MTEsporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *