AL anuncia deputados que investigarão Energisa em MT

A Assembleia Legislativa definiu na manhã desta terça-feira (22) os parlamentares que farão parte da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito), que investigará a Energisa, concessionária de energia elétrica que atua em Mato Grosso. A CPI foi criada diante da reclamação de milhares de contribuintes, que denunciaram que suas contas dobraram o valor neste mês de outubro.

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (DEM), anunciou os deputados indicados para a commissão. Elizeu Nascimento (DC), autor do requerimento que criou a CPI será o presidente. Os demais são Dilmar Dal Bosco (DEM), Paulo Araújo (PP), Carlos Avalone (PSDB) e Doutor Eugênio (PSB). Também foram definidos os suplentes: Delegado Claudinei (PSL), Romoaldo Júnior (MDB), Xuxu Dalmolin (PSC), Thiago Silva (MDB) e Valmir Moretto (PRB).

Com a definição dos membros, a CPI realizará sua primeira audiência ainda nesta semana. Nela, será definido o relator da comissão e as primeiras diligências a serem realizadas.

CPI DA ENERGISA

Por conta de diversas reclamações da população quanto ao valor abusivo das contas de energia, foi proposta no começo deste mês uma CPI para investigar se de fato a população está sendo cobrada a mais, por estes serviços prestados pela concessionária de energia, que atua em MT e em outros estados.

Sendo assim, o requerimento feito pelo deputado Elizeu Nascimento foi entregue a mesa diretora e assinado por 19 parlamentares, outros 11 não quiseram assinar a petição. A partir de agora haverá toda comissão para investigar as possíveis irregularidades e caso sejam comprovadas a empresa deverá ser acionada judicialmente pela Assembleia Legislativa.

 

 

 

Fonte: Folha Max

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *