Sem categoria

Polícia Civil apreende mais de 30 quilos de entorpecentes em ponto de distribuição em Várzea Grande

Publicado

na

Da redação (com informações da assessoria)

 

Um ponto de distribuição de drogas que funcionava em Várzea Grande foi desarticulado pela Polícia Civil, na quinta-feira (13.06), com a prisão de quatro traficantes, em ação da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE). O trabalho resultou na apreensão de mais de 30 quilos de entorpecentes, entre maconha, pasta base e cocaína, além da apreensão de dinheiro e materiais relacionados a atividade ilícita.

Rinaldo Silva Santos, 27, conhecido como “Gordinho”, Everton Garcia de Oliveira, o “Corumbá”, Claudison Pereira, 33, conhecido como “Son”, estavam diretamente ligados a administração e gerenciamento da distribuidora e foram autuados em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico. O menor, J.D.C., 17, que também foi apreendido no local, responderá pelo ato infracional análogo aos mesmos crimes.

O endereço no bairro Jardim Glória, em Várzea Grande era monitorado pelos policiais da DRE há cerca de 03 meses, após diversas denúncias sobre a atuação de uma facção criminosa com o tráfico de drogas na região. Durante as investigações, a equipe de investigadores conseguiu identificar suspeitos, assim como a função de cada um no grupo criminoso.

Leia Também:  Santos vence Atlético-GO, fica em 3º, mas torcedores protestam

Segundo o delegado, Vitor Hugo Bruzulato Teixeira, o ponto utilizado pelo grupo possui diversas complexidades, por se tratar de uma região de mata e com intensa movimentação de traficantes. “Além do endereço, foram identificados os suspeitos de gerenciar e administrar o armazenamento e a distribuição da droga, assim como o responsável pela contabilidade do dinheiro arrecadado com o crime. Eles possuíam até um observatório para visualizar a possível chegada de policiais na região”, disse o delegado.

Durante as investigações, os policiais da DRE receberam a informação de que o ponto seria abastecido com grande quantidade de drogas, na terça-feira (13). Em monitoramento do endereço, os investigadores flagraram o momento em que os suspeitos Rinaldo e Claudison saíram da casa em direção ao terreno dos fundos carregando sacolas aparentando se tratar de produtos ilícitos.

Diante das evidências, os investigadores realizaram a abordagem dos suspeitos que tentaram empreender fuga para dentro da residência, onde após verbalização, foram detidos. No interior do imóvel também forame encontrados o suspeito Everton e o seu irmão menor de idade, J.D.C..

Leia Também:  Saúde no trabalho!

Em buscas na casa e no terreno aos fundos, foram apreendidas várias porções de entorpecentes, sendo 29 tabletes grandes de maconha, 97 porções de cocaína e 39 porções de maconha, já embaladas para venda, outras porções médias e pequenas de cocaína, maconha e pasta base, espalhadas em pontos distintos, além de ácido bórico, éter, balanças de precisão, cadernos de anotações, contabilidade, e outros materiais relacionados ao tráfico de drogas.

Em continuidade as diligências, os policiais seguiram até a residência de Everton, onde apreenderam R$ 3,4 mil em dinheiro. Ao fim das diligências, os suspeitos foram encaminhados a DRE, onde após serem interrogados foi lavrado o flagrante. O procedimento do menor apreendido foi encaminhado para Delegacia Especializada do Adolescente (DEA).

“Uma das características do grupo também era cooptar crianças e adolescentes para atuarem com o tráfico de drogas, fato comprovado através da apreensão do menor”, destacou o delegado.

As investigações continuam para identificar e prender outros integrantes do grupo criminoso.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sem categoria

No ato: Homem é preso em flagrante depois de roubar celular de casal

Publicado

na

Policiais militares do 6º BPM de Cáceres (a 225 km de Cuiabá) prenderam nesta quinta-feira (17.09), um homem por roubo, no bairro Parque Nova Era.

Os policiais foram acionados para atender um assalto em andamento. Quando chegaram ao local, encontraram pessoas em luta corporal com o suspeito. 

Com a situação apaziguada, as vítimas, um homem e uma mulher, contaram que tinham sido rendidos pelo suspeito que estava armado e os obrigou entregar o celular.

O cidadão reagiu e tomou a arma do suspeito, mas era uma réplica de pistola e iniciou uma luta com o criminoso. Moradores próximos foram ajudar e acionaram a PM. O suspeito estava com uma bicicleta que também foi apreendida.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

Fonte: PM-MT
Leia Também:  Palmeiras apresenta novo uniforme da PUMA e surpreende a todos
Continue lendo

PUBLICIDADE

POLÍTICA

ECONOMIA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA