Grupos de Siriri intensificam ensaios na semana do Festival

Da redação (com informações da assessoria)

 

 

 

Enquanto não chega o dia da abertura oficial do 13º Festival de Siriri, sexta-feira (17), no Espaço Liu Arruda, no Museu do Rio, os apaixonados pela tradição podem acompanhar os ensaios de grupos que participarão do evento. Para esta edição, oito grupos foram selecionados, de acordo com sua história.

Neste contexto, o secretário de Cultura, Esporte e Turismo, Francisco Vuolo explica que dentre os quesitos analisados, a pasta considerou os anos dedicados à cultura do Siriri. Sendo assim, a proposta é fazer a retomada das origens do festival e unir seus aspectos às comemorações do tricentenário da Capital.

“O Siriri nunca foi tão valorizado como agora. Isso ficou evidente no 18° Festival de Büyukçekmece, na Turquia, onde o grupo Flor Ribeirinha consagrou-se campeão Mundial de Folclore, levando a beleza das cores, do ritmo, do canto e da dança da nossa cultura para encantar o mundo”, diz Vuolo.

O tradicional Festival acontecerá por determinação do prefeito Emanuel Pinheiro, durante três dias do mês de maio – 17, 18 e 19 -, no Espaço Liu Arruda, no Museu do Rio. Os participantes são: Flor Ribeirinha, Flor do Campo, Flor do Atalaia, Flor do Cerrado, Raízes Cuiabanas, Coração Franciscano, Voa Tuiuiú e São Gonçalo Beira Rio.

Ao longo da semana, os inscritos intensificaram a rotina dos ensaios e receberão consultoria do diretor artístico e coreógrafo do Flor Ribeirinha, Avinner Augusto. O grupo será o único dentre os escolhidos que não concorrerá. De acordo com ele, os encontros são abertos à população.

Confira a agenda:

Terça

Flor do Campo 19h30 às 22h30.

Quarta

Flor Ribeirinha 20h às 23h

Quinta

Tradição Coxipones

19h as 20h30

Coração Franciscano

21h30 às 23h.

Mais informações sobre os horários e locais podem ser obtidas por meio do contato do diretor: 65 99234 7699

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *