Vereadores cobram divulgação de pontos turísticos e aprovam criação do Conselho Municipal de Turismo de Várzea Grande

Da redação (com informações da assessoria)

 

 

 

Por 19 votos favoráveis foi aprovado na sessão ordinária da última quarta-feira (08.05), o Projeto de Lei de autoria do Poder Executivo, que dispõe sobre a criação do Conselho Municipal de Turismo de Várzea Grande (COMTURVG).

Na ocasião, o presidente da Câmara Municipal, vereador Fábio José Tardin – Fabinho (DEM), cobrou que a Prefeitura de Várzea Grande instale no Aeroporto Marechal Rondon, um balcão para divulgação dos pontos turísticos, da cultura e da culinária várzea-grandense.

“Infelizmente não temos um balcão para mostrar o que temos em Várzea Grande, o turista quando desce no aeroporto segue direto para o Pantanal ou para Chapada, porque eles não tem conhecimento de nossos pontos turísticos. O Executivo precisa fazer um trabalho de conscientização, mostrar nossa cultura, nosso pacu e outras culinárias tradicionais da região de Bonsucesso, Passagem da Conceição e Praia Grande”, disse Tardin.

O vereador Carlino Neto, ponderou que o Poder Executivo está “abrindo os olhos” para a importância do turismo municipal. “Várzea Grande é muito carente nesse sentido, temos as redeiras do Limpo Grande e no Carrapicho tivemos várias artesãs que deixaram de produzir artesanato originário do barro, por falta de incentivos. É importante o município fomentar, auxiliar e desenvolver a nossa cultura”, destaca Neto.

Conforme o líder da prefeita Lucimar Campos (DEM), vereador Pedro Paulo Tolares – Pedrinho (DEM), a proposta do Poder Executivo atende a um planejamento do Ministério do Turismo (MTur), chamado – Mapa do Turismo do Brasil -, onde Várzea Grande passará a fazer parte da Região Metropolitana Turística Cuiabá/Várzea Grande. “Várzea Grande através do Conselho Municipal de Turismo poderá se habilitar para conseguir recursos junto ao Ministério de Turismo”, destaca Tolares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *