Polícia tenta desvendar assassinato de homem, morto com sete tiros em MT

Rafael Medeiros, da Redação

A Polícia Civil tenta desvendar o assassinato de Weliton Dione Sousa Barros Galha, 30 anos, que foi morto a tiros, na noite desta última quinta-feira (11), nas proximidades de uma escola, em Peixoto de Azevedo (675 km de Cuiabá).

De acordo com o boletim de ocorrência, o crime ocorreu na rua Zé Doca, no bairro Jerusalém.

Segundo a polícia, Weliton foi morto com pelo menos sete tiros, três atingiram a cabeça, dois na região do tórax e dois na perna esquerda.

A Polícia Militar fez buscas nos bairros próximos, mas até o momento, ninguém foi preso.

Os policiais isolaram o local e acionaram a Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) que analisou  as circunstâncias preliminares de como pode ter ocorrido o crime. Investigadores da Polícia Civil também foram acionados e já estão investigando a motivação da morte.

Cuiabá e Várzea Grande 

Dados da Coordenadoria de Estatística e Análise Criminal (Ceac) e da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), mostram que 31 pessoas foram assassinadas este ano em Cuiabá e Várzea Grande.

A capital contabilizou 22 homicídios de janeiro a março de 2019 e no mesmo período dos anos de 2018 e 2017, foram 35 e 33, respectivamente. Já em Várzea Grande, o primeiro trimestre de 2019 registrou nove homicídios, contra 24 em 2018 e 17 em 2017.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *