Política

Trump afirma que ganhará eleição em 2020 e com margem maior que a vitória em 2016

Publicado

na

Da Redação

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse durante pronunciamento na Conferência de Ação Política Conservadora (CPAC, na sigla em inglês), reunião anual do Partido Republicano, que ele vai ganhar a reeleição em 2020 e por uma margem maior do que a sua vitória em 2016. Por diversas vezes ele zombou dos democratas por sua estrutura para combater a mudança climática e chamou os deputados da Câmara que pressionam para expandir suas investigações contra ele de “doentes”.

Durante seu discurso, Trump elogiou o movimento conservador, dizendo: ” Nosso movimento e nosso futuro no país é ilimitado”. Quando fez sua previsão de um segundo mandato, a multidão respondeu com cânticos de “U S A , U S A”.

Trump mirou no “Novo acordo verde” dos democratas, uma proposta política lançada por alguns democratas liberais no Congresso e apoiada por vários
candidatos presidenciais do partido em 2020.

“Eu acho que o ‘novo acordo verde’ é um tanto quanto exagerado. Eu acho que é realmente algo que eles deveriam promover. Eles devem trabalhar
duro com isso. Sem planos, sem energia. Quando o vento para de soprar é o
fim da energia. Vamos nos apressar. Querida, o vento está soprando hoje?”, disse.

Leia Também:  Legislação federal impede Estado de conceder reajuste a professores

O plano democrata pede uma queda drástica nas emissões de gases de efeito estufa causadas pelos combustíveis fósseis, como petróleo, carvão e gás natural.

(Informações Estadão e O Bom da Notícia)

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Em VG, Procurador Mauro lidera nas intenções de voto; veja também índice de rejeição

Publicado

na

Nova rodada de pesquisa de intenção de voto para prefeito, realizada em Várzea Grande pelo instituto Olhar Dados e publicada com exclusividade por Olhar Direto, mostra que o candidato do PSOL, Procurador Mauro, lidera também as intenções de voto para o Senado. Já no quesito rejeição, quem tem a maior desaprovação dos entrevistados da ‘Cidade Industrial’ é o ex-governador Pedro Taques (SD).
 
No cenário estimulado, modalidade em que o nome dos candidatos é apresentado ao entrevistado, Procurador Mauro aparece na liderança, com 15,6% das intenções de votos. Logo em seguida, vem: Pedro Taques (9,7%); Nilson Leitão (5,1%); Elizeu Nascimento (2,8%); Carlos Fávaro (2,8%); Cel Fernanda (1%); José Medeiros (1%); Euclides Ribeiro (0,8%) e Valdir Barranco (0,5%).
 
Porém, a indefinição ainda reina na cabeça da maioria dos entrevistados, segundo mostra a pesquisa. Isso porque, do total, 57,2% não souberam ou preferiram não responder quando questionados. Outros 3,3% votariam em branco, nulo ou nenhum.

Já no cenário espontâneo, onde o nome dos candidatos não é apresentado, Pedro Taques é quem lidera, com 3,6% das intenções de votos. Depois, aparecem: Procurador Mauro (2,1%); Nilson Leitão (1,8%); Elizeu Nascimento (1%); Carlos Fávaro (1%); Jaime Campos (0,8%); Euclides Ribeiro (0,3%) e Julio Campos (0,3%).
 
Nesta modalidade, a indefinição quanto a um candidato é ainda maior, com 89% dos entrevistados que não souberam ou preferiram não responder. Além disto, 0,3% disseram que votariam em branco, nulo ou nenhum.

No quesito rejeição, quem tem a maior desaprovação dos entrevistados é o ex-governador Pedro Taques, com 8,2%. Na sequência, aparecem os nomes de: Nilson Leitão (7,4%); Carlos Fávaro (3,6%); José Medeiros (2,6%); Procurador Mauro (2,3%); Euclides Ribeiro (0,8%); Elizeu Nascimento (0,8%); Cel Fernanda (0,5%); Valdir Barranco (0,3%); Reinaldo Moraes (0,3%) e Feliciano Azuaga (0,3%).
 
Deste total de entrevistados, 71,8% não souberam ou preferiram não responder ao questionamento. Além disto, outros 1,3% optaram pela opção nenhum, branco ou nulo.

A pesquisa
 
O levantamento Olhar Dados é produzido e publicado com exclusividade pelo portal Olhar Direto. Neste segundo levantamento em VG, o instituto realizou 309 entrevistas entre os dias 26 e 28 de setembro para captar a percepção geral da população a respeito do cenário eleitoral de 2020. A pesquisa é quantitativa com técnica survey de opinião.
 
O levantamento está registrado junto à Justiça Eleitoral sob a inscrição MT-07722/2020. A margem de erro é 5,0 pontos percentuais para mais ou para menos. Os resultados das tabelas foram arredondados pelo programa para totalizarem 100%.

Fonte: Olhar Direto
Leia Também:  Comissão de Obras fiscaliza reconstrução do Estádio Municipal Dito Souza e reforma da CMEI São Domingos Sávio
Continue lendo

PUBLICIDADE

POLÍTICA

ECONOMIA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA