Nasa: superlua ainda poderá ser vista hoje em alguns pontos do planeta

fenômeno da Superlua – quando ela parece estar maior por causa da aproximação com a Terra – pode ser visto ainda hoje (20) em alguns lugares do planeta, segundo a Nasa, a agência espacial norte-americana. O espetáculo encanta e provoca uma série de interpretações populares a partir dos apelidos dados ao fenômeno.

A super snow moon is seen over the Propylaea at the archaeological site of the Acropolis in Athens, Greece February 19, 2019.
Superlua – Reuters/Alkis Konstantinidis/Direitos Reservados

Na década de 1930, a Superlua foi identificada e ganhou outros nomes, como Lua do Corvo, Lua da Crosta, Lua do Seiva e Lua do Açúcar.

Os nomes foram dados a partir da observação de que nesse período havia cobertura de neve sobre a vegetação em determinadas áreas do s Estados Unidos, daí também a alusão ao açúcar. Lua do Corvo foi um nome dado pelos indígenas norte-americanos.

The moon is pictured beside the radio telescope RT-70 in the village of Molochnoye, Crimea February 19, 2019.  REUTERS/Alexey Pavlishak NO RESALES. NO ARCHIVES.
Superlua – Reuters/Alexey Pavlishak/Direitos Reservados

A Nasa informa ainda que a partir de 9 de março de 2019, o sol nascerá mais cedo, e assim prosseguirá até outubro, no mais tardar novembro.

Edição: Renata Giraldi e Graça Adjuto
 Tags: SUPERLUANASA

DÊ SUA OPINIÃO SOBRE A QUALIDADE DO CONTEÚDO QUE VOCÊ ACESSOU.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o “Fale com a Ouvidoria” da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

 

 

Credito: Agencia Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *