Unicred se une a Grandy DH em Treinamento Vivencial

Da Redação

A Unicred Mato Grosso preparou um Treinamento para os colaboradores de todas as unidades do Estado, mas para quem pensa que o dia de aprendizado foi em uma sala fechada com apresentação de relatórios em Power Point está muito enganado.

A cooperativa se uniu a Grandy Desenvolvimento Humano e preparou um Treinamento Vivencial, metodologia de aprendizagem que recorre à prática de técnicas experienciais e dinâmicas de grupo com o objetivo de proporcionar o desenvolvimento de habilidades e competências úteis à vida corporativa por meio do “aprender fazendo”.

E o tema escolhido para o dia de atividades foi “Circo”. Um picadeiro foi montado e vestidos a caráter, os colaboradores se fantasiaram como personagens circenses, e interagiram com as dinâmicas aplicadas com muito malabarismo, equilíbrio em perna de pau, danças e muito mais.

Segundo Cynthia Lemos, psicóloga e coach da Grandy Desenvolvimento Humano, a ideia do Treinamento Vivencial é sair dos modelos tradicionais, e resolver situações do cotidiano do trabalho.

“Aqui conseguimos ter profundidade, porque a transformação é de dentro pra fora. Realizamos o treinamento com muita movimentação corporal e emoção envolvidas. Então é algo mais profundo do que quando eu vou simplesmente em um treinamento e absorvo de fora para dentro”, afirma a coach.

Ernani Preuss, presidente da Unicred é um dos incentivadores do Treinamento Vivencial, tanto que essa é a terceira parceria com a Grandy Desenvolvimento Humano. “Neste modelo de treinamento os colaboradores fazem um verdadeiro espetáculo, eles são colocados à prova, ou seja,  tiveram poucas horas para se organizar e fazer alguns exercícios circenses. Isso demonstra a capacidade que cada um tem de aprendizado, e de poder desempenhar uma função. Porque o dia a dia da cooperativa exige deles um espetáculo de atendimento, e se eles estão capacitados e felizes , o cliente vai ser bem atendido e também ficar satisfeito”, analisa.

A gestora de Recursos Humanos da Unicred, Cláudia Arruda afirma que o treinamento tem tudo a ver com a filosofia da cooperativa que é desenvolver o ser humano.

“A vida é uma magia e trazer o circo, é uma forma de trabalhar com cada um as limitações na vida profissional. Aqui é o momento em que os colaboradores podem extrapolar e resolver os conflitos do dia a dia. Eles analisam qual é a maior dificuldade, trabalhar em equipe, liderar, falar em público ou se concentrar. Mas o nosso foco é que eles fiquem com os corações encantados”, pontua a gestora.

Gislaine De Bastiani, gerente de agência em Tangará da Serra faz parte há 3 anos do time Unicred. Para ela a integração entre as equipes é o mais importante, além da mensagem passada em cada treinamento.

“Entendemos a importância do companheirismo, da paciência, de entender cada um, somos diferentes, mas juntos formamos um todo e temos que trabalhar igualmente pela cooperativa”, ressalta.

Para Sirlene Helena de Oliveira, gerente geral da Unicred  o treinamento é a oportunidade de trabalhar de forma humanizada com todos os colaboradores, além da troca de experiências.

“Aqui a gente tem o aprendizado da comunicação, do entender o outro, da disciplina, do desafio, e a gente levando para cooperativa, para o dia a dia o que aprendemos aqui, estamos aptos para enfrentar qualquer situação”, conclui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *