Avenida Historiador Rubens de Mendonça recebe construção de calçadas

A obra visa garantir a segurança para os milhares de pedestres que transitam pela região

A Prefeitura de Cuiabá está trabalhando na construção do calçamento público na Avenida Historiador Rubens de Mendonça (Av. do CPA). A atuação faz parte do programa “Minha Rua com Calçada” e será efetuado em todos os pontos da via onde há um déficit da estrutura. A intervenção no local teve início na semana passada, na altura do Hospital de Câncer de Mato Grosso, e deve durar aproximadamente quatro meses. Com a execução da obra, o município pretende garantir a segurança para os milhares de pedestres que transitam pela região.

Coordenada pela Secretaria Municipal de Serviços Urbanos, a obra está sendo executada via mão de obra da própria Prefeitura, diminuindo dessa forma os custos aos cofres municipais. Atualmente, uma equipe com seis servidores trabalha no local, onde já é possível observar as estruturas sendo edificadas. A construção das calçadas se enquadra dentro do conceito de modernização da cidade e respeito ao cidadão, que o Executivo cuiabano tem desenvolvido ao longo de toda a cidade, a partir do princípio da humanização dos serviços prestados à população.

“A Avenida do CPA está entre as principais rotas utilizadas pelo cuiabano diariamente. Por isso, não nos conformamos com o fato do pedestre não ter onde transitar. Partindo da premissa de respeito ao povo cuiabano é que estamos requalificando a calçada de toda a avenida. Dessa forma, além de deixar a cidade mais bonita e bem cuidada, também prezamos pela segurança do cidadão, evitando que ele tenha que disputar espaço com veículos para chegar ao seu destino. O grande objetivo do ‘Minha Rua com Calçada’ é promover essa transformação, gradativamente, em todas as vias de Cuiabá”, argumenta o prefeito Emanuel Pinheiro.

A concepção do passeio público na Avenida do CPA é vista como complemento do processo de revitalização dos canteiros centrais das principais vias da Capital. Na última semana, o prefeito Emanuel Pinheiro entregou às Secretarias Municipais de Serviços Urbanos e Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano o projeto de intervenção paisagística provisória, que já está sendo colocado em prática na Avenida Ten. Cel. Duarte (Prainha) e prosseguirá, posteriormente, para a Avenida Historiador Rubens de Mendonça.

O procedimento de reestruturação dos canteiros tem como destaque dois pontos principais. O primeiro é a possibilidade de reutilização dos materiais, em outros locais, a partir da retomada das obras do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT). Além disso, a medida segue a ideia de economicidade adotada pela atual gestão, já que as espécies que serão plantadas são todas produzidas no Horto Florestal “Tote Garcia” e a execução do serviço também é realizada por servidores da Prefeitura de Cuiabá.

“Vamos revitalizar toda a calçada da Avenida Historiador Rubens de Mendonça e, após isso, alcançar outros prontos da cidade. Esse é um trabalho demorado, com uma execução um pouco mais difícil, mas com toda certeza, depois de finalizado, teremos uma nova avenida. A construção de calçadas completará o trabalho paisagístico que executaremos no canteiro central da via. Para isso, já temos o projeto pronto e esperamos finalizar todo esse procedimento em um período de quatro meses”, explica o secretário José Roberto Stopa.

Atuação nos bairros

A Prefeitura de Cuiabá também tem buscado avançar com obras de melhoria na infraestrutura em diversos bairros mais afastados da região central. O “Minha Rua com Calçada”, por exemplo, foi lançado em 2017 e finalizou o primeiro ano com mais de 20 mil metros construídos em locais como Três Barras, Campo Verde, Jardim Ubatã e Jardim União. Nestes sete meses de 2018 não tem sido diferente. O serviço continua prosseguindo pela cidade e atende, neste momento, as comunidades do Pascoal Ramos, Jardim Novo Colorado, Planalto e Carumbé.

A construção de calçadas nos bairros é executada por meio de uma parceria firmada entre a Prefeitura de Cuiabá e as associações de moradores, em que o Executivo fornece todo material necessário, com a mão de obra ficando a cargo dos próprios moradores. O processo é dividido em etapas e tem como primeira parte a inclusão do bairro no cronograma de atividades, mediante a solicitação feita pelo representante comunitário. Com a formalização do pedido, a Secretaria faz um levantamento e cadastramento das ruas, partindo então para construção das estruturas.

*assessoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *