Política

TSE assina memorando com Facebook e Google contra fake news

Publicado

na

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) assinou hoje (28) um memorando de entendimento com o Facebook e o Google para evitar a proliferação de notícias falsas (fake news) no período eleitoral.

As empresas se comprometeram a “combater a desinformação gerada por terceiros”, observando para isso o cumprimento a normas internacionais de direitos humanos e às boas práticas da indústria.

O documento de apenas duas páginas, no entanto, não detalha nenhuma iniciativa nesse sentido, dizendo apenas que o combate se dará por meio de “prevenção de práticas dolosas de desinformação, projetos de fomento à educação digital e iniciativas que promovam o jornalismo de qualidade”.

Outro memorando foi assinado também com a Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert), com o mesmo objetivo de combater as fake news.

O presidente do TSE, ministro Luiz Fux, participou de solenidade em que os documentos foram assinados nesta quinta-feira. No início deste mês, ele firmou acordo semelhante com representantes de partidos políticos, que se comprometeram a “manter um ambiente eleitoral imune de disseminação de notícias falsas”.

Leia Também:  Governo abre licitação para pavimentação da Estrada Morocó, em Sorriso

 

 

Fonte:AgenciaBrasil

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Ministro passeia no Pantanal e promete (de novo) “salvar” o bioma

Publicado

na

O (ainda) ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, voltou a visitar o Pantanal de Mato Grosso. Na tarde de quinta-feira (24), ele sobrevoou a região, em companhia do senador Wellington Fagundes (PL).

Quase quatro meses depois da tragédia, com a destruição parcial do bioma, o ministro fez mais um passeio no Pantanal.

E, ao final, disse o óbvio: “Hoje, o que nós vimos foi uma redução muito grande na quantidade de fogo, relatada pelos bombeiros”.

Pior, prometeu o que o Governo Federal deveria ter feito antes: “fazer de tudo” para salvar o Pantanal.

Um mês atrás, o ministro do Meio Ambiente fez o mesmo sobrevoo na região de Poconé, em companhia do governador Mauro Mendes (DEM).

Também prometeu a “salvação” do Pantanal, mas, infelizmente, o que se viu, ao longo desse tempo, foi a destruição do bioma.

Após a visita a Mato Grosso, Ricardo Salles participou da live que Jair Bolsonaro realiza todas as quintas-feiras.

No caso, o presidente demonstrou que seu ministro está prestigiado.

Resumo da ópera: Bolsonaro adora premiar pela ineficiência.

Fonte: Diário de Cuiabá

Leia Também:  Vereadores propõem Moção de Aplauso para policiais militares e civis que salvaram criança
Continue lendo

PUBLICIDADE

POLÍTICA

ECONOMIA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA